31 de janeiro de 2013

Um velho conhecido

A violência e impunidade já foram grandes problemas nas partidas organizadas pela Conmebol. Não que ainda não sejam, mas ultimamente com a mudança de regras da Libertadores outro problema (apesar de antigo) tem ganhado foco: a altitude.


Grêmio e São Paulo foram os últimos clubes assombrados por esse problema. O Tricolor Paulista não sofreu tanto a virada por 4 a 3 em territórios bolivianos, devido a boa vantagem aberta no Morumbi, já o Tricolor Gaúcho foi prejudicado, uma vez que a derrota por 1 a 0 para a LDU, no Equador, por pouco não tirou a vaga merecida para a fase de grupos.

Da mesma forma como partidas já foram impedidas de ser realizadas em Medellín (Colombia) devido aos cartéis de drogas, pois comprometiam a segurança das equipes e dos torcedores a Conmebol deveria vetar jogos em locais de altitudes extremas, uma vez que comprometem o espetáculo do futebol.

O Brasil é pior que a Bolívia? Jamais! Então por que continua perdendo quando joga na casa do adversário? Não digo para remover o direito do clube de mandar uma partida em seu território, porém é melhor usar o bom senso e não jogar em uma cidade a 6.000 metros de altitude se pode optar por uma a 800 ou 1000.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

30 de janeiro de 2013

Se segura, Schalke

Após Sneijder, Galatasaray surpreende de novo e acerta a contratação de Didier Drogba

"Atacante marfinense será jogador do clube turco por um ano e meio."


O Galatasaray se classificou para as oitavas-de-final da UEFA Champions League e no sorteio pegou um adversário quase do mesmo nível, o Schalke 04. Até então, os turcos não eram favoritos e o clube alemão deveria passar para as quartas, contudo as últimas semanas mudaram essas apostas. O Gala contratou os craques Sneijder e Drogba para fazer companhia ao "pitbull" Felipe Melo. Apenas dois nomes chegaram e a face do time já mudou. De provável eliminado hoje é cotado para a classificação e concede um valor de "jogaço" para um partida que nada prometia.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

29 de janeiro de 2013

Em casa

Balotelli é o mais novo reforço do Milan, garante jornal italiano

"Atacante deverá receber cerca de 11 milhões anuais no novo clube"


Aparentemente "louco", Mario Balotelli pode estar apenas se sentindo fora de casa. No Manchester City ele teve um "pai", que foi Roberto Mancini, o qual acreditou e tentou levá-lo para o bom caminho. Apesar de ter um amigo como técnico, Balo não despontou como prometia. Agora, ele é atacante do Milan, clube pelo qual se declara torcedor. Em casa, o atacante italiano tem tudo para recuperar não só o bom futebol de seu novo clube, mas também o seu.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

25 de janeiro de 2013

Hoje não!

Neymar foi desrespeitoso, diz Nunes: 'Pensei dez vezes. Eu ia quebrá-lo'

"Lance em que atacante do Santos coloca as mãos na cintura e, em seguida, tenta aplicar uma carretilha irrita atacante do Botafogo-SP"



Novamente Neymar está iluminado pelos holofotes de polêmicas. Isso já ocorreu quando o atacante se desentendeu com Dorival Júnior e quando aplicou um chapéus em Chicão quando o jogo já estava parado. Nos dois casos o camisa onze estava errado e aprendeu com isso, hoje não está e espero que não tenha que mudar o seu jeito de jogar.

Está certo que a mão na cintura no momento do drible no atacante Nunes (do Botafogo-SP) era dispensável, contudo é a ousadia que diverte no futebol. Por esse motivo que Messi e Cristiano Ronaldo são eleitos melhores do mundo e Pirlo não, já que "só" dá passes. Como disse Muricy Ramalho: o futebol tem muito "toquinho pro lado"; falta um diferencial. Assim sendo, um atleta (ainda mais brilhante como Ney) não pode sofrer opressão por fazer o que todos gostam. Ele e Nunes foram longe demais. O santista não precisava ter provocado, mas nada justifica o pensamento do botafoguense. Sorte do futebol que a carretilha não foi completa e Nunes foi lúcido o bastante para segurar sua vontade.

24 de janeiro de 2013

Perfeito

O São Paulo já entrou de cabeça na Libertadores. Em uma partida importantíssima, que poderia definir o destino do clube na competição, o Tricolor deu o sangue e enfiou cinco gols nas redes do medíocre Bolívar e mostrou porque o Tigre não voltou para o segundo tempo na final da Sul Americana.


O time tricolor foi simplesmente perfeito. Todos jogaram bem. Rogério Ceni, um dia após seu aniversário não só fez defesas improváveis, como também marcou o quinto gol dessa goleada. Rhodolfo e Lúcio foram impecáveis, sendo que esse segundo evidenciou que pode ser o xerifão que faltava. Os laterais foram bem, principalmente Douglas, que ajudou o estreante e ainda não entrosado, Aloísio a conduzir os ataques.

Wellignton e Denílson te, a avaliação de sempre: não muito presentes, contudo indispensáveis na retenção e criação de jogadas. Jádson já se mostra entrosado. Foi preciso nos passes e ainda pareceu bem no ataque para fazer o quarto gol tricolor. Os três atacantes foram bem efetivos. Na direita apareceu Aloísio, que não marcou, mas finalizou bem, além de ter dado o passe para um dos dois gols de Luís Fabiano. Na esquerda veio o melhor em campo, Osvaldo. O camisa dezessete correu, passou, driblou e guiou o Tricolor do Morumbi para a vitória com o primeiro gol da partida, o verdadeiro gol de placa. Osvaldo ainda deu o passe para o gol de Jádson e sofreu o pênalti para o de Ceni. Um grande jogador, que na comemoração de seu tento mostrou também ser uma grande pessoa ao ir abraçar o goleiro ídolo e agora quarentão.


Foi um enorme passo dado na Libertadores. Uma partida que caso fosse vencida por escassos gols poderia complicar o São Paulo na altitude da Bolívia. O time foi perfeito, assim como o placar que dá folga para Ney Franco testar novos jogadores ou uma nova formação onde caiba Osvaldo, Jádson, Ganso e quem sabe até Cañete, que entrou e demonstrou que não está no clube apenas para esquentar o banco.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

23 de janeiro de 2013

De agrado popular

Felipão chama Ronaldinho e Júlio César para amistoso contra a Inglaterra; Kaká fora

"O meia-atacante Ronaldinho Gaúcho e o goleiro Júlio César foram as grandes novidades da seleção brasileira na convocação feita nesta terça-feira, no hotel Sheraton de São Conrado, no Rio de Janeiro. O técnico Luiz Felipe Scolari convocou 20 jogadores para o amistoso contra a Inglaterra, no dia 6 de fevereiro, às 17h30 (horário de Brasília) no estádio de Wembley, em Londres."



Luiz Felipe Scolari é um técnico experiente, que sabe não só convocar uma boa Seleção, mas também agradar seu público. O treinador penta-campeão foi justo e convocou quem a torcida já pedia a tempos, como Hernanes e Ronaldinho. Chamou quem está jogando bem e quem merece um espaço com amarelinha para arrumar a cabeça dos mais jovens. Como previsto, ele fez um mix de ousadia e alegria com experiencia e habilidade.

Os convocados para a defesa são indiscutíveis. Com as lesões de Thiago Silva e Marcelo, Scolari os substituiu muito bem por Leandro Castan e Adriano (do Barcelona). O zagueiro da Roma e Julio Cezar podem até gerar uma desconfiança, contudo não devem ser titulares e não comprometerão a formação do time titular. A surpresa fica para a escolha de Dante. Zagueiro desconhecido no Brasil, mas que faz muito sucesso na fantástica defesa do Bayern de Munique.

No meio ele também foi bem. Optou por não chamar nenhum primeiro volante, o que já evidencia que deve usar David Luiz na posição, provavelmente ao lado Paulinho ou Ramires (apesar de eu achar que Hernanes seja o nome ideal). Lucas e Oscar são irrefutáveis, logo a surpresa ficou para o outro nome, o de Ronaldinho Gaúcho, que depois de um fantástico Brasileirão foi recompensado com a volta à Selê.

Para fechar o time Felipão foi pontual e sem surpresas. Neymar e Hulk são jogadores que no 4-2-3-1 do Brasil atuam como meias. Sendo assim, sobram apenas Fred e Luís Fabiano para concorrerem de forma saudável por uma única vaga de atacante.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

22 de janeiro de 2013

Com a prancheta

O novo técnico da Seleção Brasileira, Luiz Felipe Scolari, o Felipão, convocará hoje a Seleção Brasileira para o amistoso contra a Seleção da Inglaterra no dia 6 de fevereiro. Como é da característica do técnico devemos ver uma boa mistura entre as jovens estrelas, como Neymar, Lucas e Oscar, e atletas mais experientes, a exemplo de Lúcio, Ronaldinho e Kaká.

Felipão tem seu jeito característico de convocar, que me agrada em alguns pontos e me desagrada em outros, porém essa não é a questão do post de hoje. Ao invés de comentar quem o técnico do penta deve convocar eu vou assumir a prancheta e convocar meus próprios jogadores. Confira qual seriam meus titulares e reservas e o porquê:



Goleiros
Os três goleiros são excelentes e do padrão de qualidade Seleção Brasileira, porém pelo trabalho que já fez com a amarelinha meu escolhido para titular foi o Diego Alves. Jéfferson ficou de fora da lista para dar espaço aos mais novos, mas futuramente eu o colocaria de volta em testes.

Laterais
Os titulares são incontestáveis. Daniel Alves e Marcelo estavam no combinado dos melhores jogadores do mundo. Já para o banco a escolha de Danilo foi pela idade e tempo de Seleção, já Cortez seria novo, contudo o atleta merece pelo que demonstra no São Paulo.

Zagueiros
Nesse setor estão as maiores mudanças. Como Thiago Silva não pode ser escolhido devido a sua lesão, escolhi o titular incontestável do Bayern de Munique, Dante, para fazer companhia a David Luiz. Miranda e Felipe Santana são outros dois brasileiros esquecidos ultimamente e precisam de oportunidade, como Dedé não vive um grande momento optei por chamar os dois.

Volantes
Optei por apenas um primeiro volante, Ralf e três segundos volante, sendo o titular Paulinho, devido a entrosamento com seu companheiro de Corinthians. As duas outras opções são mais versáteis, já que Hernanes pode também ser um meia-atacante e Ramires um velocista pela direita.

Meio
Na meiúca escolhi Ronaldinho para o time titular devido ao ótimo futebol apresentado no Brasileirão. Reservas dele teria Oscar e eventualmente Hernanes. Lucas poderia ser substituído por Bernard e caso a estrela do time, Neymar, tivesse que sair colocaria Osvaldo, que desde o ano passado mostra que é o segundo melhore meia pela direita do Brasil (atrás do onze santista, óbvio). Kaká ainda seria boa opção, mesmo não jogando no Real Madrid, pois na Seleção sempre rendeu, entretanto o deixei de fora para não saturar a meia-armação.

Ataque
Não vejo a necessidade de chamar tantos atacantes, por isso optei apenas por dois de origem: Luís Fabiano (meu titular pela parceria com Lucas e pelo costume de vestir a amarelinha) e Fred. Como opção ainda teria Neymar que poderia jogar como "falso nove".


Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

21 de janeiro de 2013

Toquem as trombetas, porque rola a bola no Paulistão!

O melhor campeonato estadual já deu seu início. O Paulistão teve seus jogos de abertura e os quatro grandes do estado terão cobertura com comentários e análises no NossoFutebolClube.

O Palmeiras não estreou como queria e apenas empatou com o fraco Bragantino. Eles foram superiores, tanto que Fernando Prass não foi acionado, contudo a mira não estava calibrada e Barcos não conseguia converter as chances criadas por Souza (o destaque da partida) em gol. Apesar das falhas vitória poderia ter aparecido, caso o atacante argentino não tivesse desperdiçado uma cobrança de pênalti.


O Corinthians até conseguiu um resultado melhor: 1 a 1 com o Paulista. Todavia o futebol apresentado também ficou abaixo do esperado. Zizhao foi considerado o melhor do jogo por muitos jornais, principalmente pela grande assistência ao gol corintiano, entretanto ele ainda precisa melhorar (e muito) seu domínio de bola.

Diferentes de seus rivais São Paulo e Santos mostraram um futebol muito melhor. O Peixe foi guiado por Neymar que anotou dois e viu Patito lançar para o frio Miralles marcar o seu e ameaçar a vaga de titular de André. A estreia de Renê Jr ofuscou a de Montillo e o volante deve assumir a titularidade. Mesmo com a vitória o time de Muricy deve ficar atento, pois passou o jogo no sufoco e só conseguiu fazer o 2 a 1 quando faltavam dez minutos para o fim do jogo.


Com o Tricolor do Morumbi o jogo foi mais tranquilo. Ainda que Rhodolfo tenha falhado pelo chão e Lúcio pelo alto o clube não sofreu gols. Ganso e Jádson se deram muito bem juntos em campo. O camisa oito deu um belo passe de calcanhar para Osvaldo cruzar para Luís Fabiano abrir o placar. Já Jádson fez o seu gol com um ótimo giro e um belo chute.

O time do Morumbi foi o destaque da primeira rodada, uma vez que não sofreu gols e demonstrou regularidade. Logo atrás vem o Peixe que também jogou muito bem, porém precisa de acertos pontuais. O Palmeiras demonstrou garra e determinação, mas faltam peças-chaves para o time ir para frente. Já o Corinthians não posso analisar, visto que não foi com força total em sua estréia.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

20 de janeiro de 2013

Cadê a garra de 2011?

Marcos Júnior critica atitude de parte da sub-20: ‘Pareciam estar de férias’

"Atacante do Fluminense diz que muitos dos atletas convocados por Emerson Ávila treinavam de ‘sacanagem’ e se sentiam de férias"



Em 2011 eu tive o prazer de ver uma grande equipe do Brasil sub-20. Neymar, Lucas, Casemiro, Diego Maurício, Willian José, Henrique e companhia deram um show. Todos juntos com ousadia e alegria, mas sem se esquecer do compromisso e da garra conquistaram o Sul-Americano daquele ano e o Mundial do ano seguinte.

O time mudou, mas a dedicação e a raça não vieram junto. Essa equipe valorizou mais o corte de cabelo e o pagode no vestiário do que a dedicação nos jogos e nos treinos. Como o futebol brasileiro será no futuro se os mini "craques" de hoje tratam uma competição seria como colônia de férias (como apresentou o atacante Marcos Júnior), são eliminados por seleções sem tradição e por conseguinte perdem a vaga do Mundial? Simplesmente, lamentável.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

NFC Cast #4 - Geralzão de 2013

2013 começou e resolvemos fazer uma análise mais aprofundada de cada tema que deixará o torcedor feliz, louco, emocionado, empolgado ou entristecido. O futebol tem um poder mágico de mudar o estado de ânimo de uma pessoa de um minuto para o outro; é só o seu time de coração sofrer a virada que o dia que parecia tão lindo fica cinza no mesmo instante.


O Paulistão, o Campeonato Brasileiro, a Libertadores e a UEFA Champions League, dentre outros temas, estão na pauta desta quarta edição do NFC Cast, com desta vez, dois convidados: Thiago Vidal e Guilherme Silveira. O podcast está bem legal, contudo já vai o aviso, também está grande, portanto pode trocar de aba e curta os comentários no ouvido e se distraia com algo na tela do computador. Confira:


Se preferir baixar para ouvir no celular, ipod ou algum outro reprodutor de audio para curtir quando estiver longe do PC, aqui vai o link: NFC Cast #4 - Geralzão de 2013.mp3

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

19 de janeiro de 2013

Não tem jeito, Kaká é rossonero

Kaká: 'Faço sacrifícios para retornar ao Milan'

"Em situação difícil no Real Madrid, meia revela desejo de voltar à Itália"



Kaká por mais que já tenha seus 30 anos de idade ele pouco conheceu o mundo. Pouco na linguagem do futebol; enquanto há jogadores que já jogaram no Brasil e em mais meia dúzia de países pingados na Europa, o camisa oito do Real Madrid vestiu apenas três camisas em sua carreira: a do lançamento pelo São Paulo, a da decadência do Real e a do ápice, da paixão, do bom futebol do Milan.

Já passou da hora dele voltar à Itália. Foi lá onde ele aprendeu a jogar como "gente grande", foi lá onde Kaká viu seu verdadeiro potencial e com a camisa rossonera ele conquistou o título de melhor jogador do mundo em 2007. Sendo assim, o mais racional seria o craque brasileiro voltar, agora já em fim de carreira, a jogar onde ele gosta, onde quem sabe possa recuperar o refinado toque na bola no decadente Milan de 2013. O Milan precisa de Kaká; e Kaká precisa do Milan.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

18 de janeiro de 2013

NFC Cast #3 - Preparação para 2013 (MG e RS)

Já analisamos os elencos dos clubes de São Paulo e Rio de Janeiro e conferimos que alguns clubes estão no caminho certo, como Corinthians, Fluminense e São Paulo, já outros estão fora dos trilhos e não prometem muito para 2013, como ocorre com o Palmeiras, Vasco e Flamengo.


Para encerrar a série e a análise dos doze maiores clubes do Brasil eu e Vitor Foschi, do blog Alçapão do Santista (www.alcapaodosantisa.blogspot.com) fizemos mais um podcast em conjunto para comentar sobre os elenco dos gigantes de Minas Gerais e Rio Grande do Sul. O Atlético Mineiro, manteve o grande time do ano passado e ainda fez boas contratações. Já o Cruzeiro perdeu peças importantes, contratou bem, mas ainda é uma incógnita. No Sul, Grêmio e Inter estão bem, mantendo a base e contratando pontualmente. Confira o podcast:

 
Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

O novo manto: Ponto pra Nike

ANTICIPO: Camisa I Nike de Brasil (Copa Confederaciones 2013)

EXCLUSIVA: Camisa II Suplente Nike de Brasil (Copa Confederaciones 2013)



Finalmente a Nike acertou nos kits do Brasil. Em 2010 fizeram um trabalho muito fraco, 2011 polêmico e estranho, 2012 simples, porém com mangas muito grandes e enfim em 2013 (nove anos depois da última camisa bonita da Seleção) a fornecedora americana acertou.

Com desenhos simples, clássicos e na medida certa conseguiram agradar os brasileiros. Como fã e conhecedor de camisas de futebol reconheço que o trabalho no manto da Seleção ficou perfeito. A camisa amarela merece uma nota 10 pela sobriedade. Encaro o uso do branco ao lado do azul (ao invés do amarelo) como um regresso na camisa "dois". O uniforme azul até que ficou bonito, mas devido a essa falha citada e a falta de capricho dou uma nota 8.

É bom considerar que meus comentários são em cima de fotos não oficiais. A amarela é praticamente confirmada, já a azul é apenas especulação.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

NFC Cast #2 - Preparação para 2013 (RJ)

Em São Paulo vimos que São Paulo, Santos e Corinthians prometem bastante para esse ano que a pouco começou. Já o Palmeiras, que caiu para a segunda divisão, só se afunda mais ao fazer um elenco meia-boca e ter a incógnita Valdívia machucada e recebendo um grande salário.



No Rio de Janeiro a história não é tão diferente. O atual campeão Brasileiro, Fluminense, só manteve seu elenco, se reforçando pouco. O Botafogo fez parecido, mas sem grandes promessas, já que nada conquistou no ano passado. O preocupante fica para o Vasco e o Flamengo, que perderam suas principais estrelas e fizeram poucas e más contratações.

Para comentar isso, me juntei novamente a Vitor Foschi, do Alçapão do Santista (www.alcapaodosantista.blogspot.com) para gravarmos a segunda edição do NFC Cast. Confira:

 

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

17 de janeiro de 2013

Guardiola sabe jogar o jogo

Pep Guardiola vai treinar o Bayern de Munique a partir de julho

"Técnico chega para assumir lugar de Jupp Heynckes após o fim do seu contrato"



Guardiola é um excelente técnico, porém não o melhor em questão de experiência e montagem de elenco.. É um estrategista que apenas sabe jogar o jogo. Ele assumiu um Barcelona dos sonhos e fez o simples para se consagrar: colocou os craques em campo e jogou com a filosofia do clube catalão, a qual ele aprendeu enquanto ainda vestia chuteiras para entrar no gramado.

Por motivos desconhecidos ele deixou o clube. Agora ele está de volta para um dos melhores clubes do mundo. Ele escolheu um clube perfeito para seu estilo de trabalho, o Bayern de Munique, o qual já tem uma constelação de craques pronta e capacitada para conquistar a Champions League. Ele é nome certo para dar continuidade ao excelente trabalho de Jupp Heynckes, que se aposentará ao fim da temporada. Conquistará diversos títulos estando apto novamente para receber o título de melhor técnico, mas não o que sabe mais de táticas e fundamentos, mas o que conhece e o ser humano e principalmente sabe jogar o jogo.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

NFC Cast #1 - Preparação para 2013 - São Paulo

2012 já passou e as memórias boas ficaram. Alguns, como o Corinthians, tem muito do que lembrar, afinal conquistaram a inédita Libertadores e o bi Mundial! O São Paulo não fica atrás, já que conquistou uma das taças que faltava em sua coleção: a Sul Americana. O Santos conseguiu também levar os seus: o Paulistão e a Recopa. Já o Palmeiras... pobre Palmeiras, conquistou a Copa do Brasil graças a Marcos Assunção e foi rebaixado no Brasileirão. Agora eles se reforçam para manter, melhorar ou tentar surpreender em um 2013 que promete.

Os clubes paulistas não param, assim como a famosa Av. Paulista.



















Confira essa primeira edição do NFC Cast com participação especial de Vitor Foschi, dono do blog Alçapão do Santista (www.alcapaodosantista.blogspot.com), na qual comentamos a montagem de elenco para as competições desse ano que acabou de chegar. Clique e confira:


Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

16 de janeiro de 2013

A cereja do bolo

Diego Tardelli: "Quero voltar ao Brasil para jogar a Copa do Mundo"

"Em entrevista exclusiva ao FOX Sports Rádio desta sexta (4), atacante do Al Gharafa afirmou interesse em disputar o Mundial de 2014 no Brasil"

Segundo informações que recebi o atacante Diego Tardelli já fechou com o Atlético Mineiro e a diretoria só espera a conclusão de outra grande contratação para apresentá-los juntos no dia 17.


O atacante chega para ser a cereja no bolo desse conciso elenco atleticano. O Galo conquistou um preciso segundo lugar no Brasileirão 2012 o que lhe garante a vaga na Libertadores, que deve ser a principal meta do clube mineiro. Para atingir esse objetivo o time comandado por Cuca manteve seus titulares, alguns ótimos reservas e ainda se reforçou muito bem.

Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Júnior Cesar; Pierre, Gilberto Silva, Bernard, Ronaldinho Gaúcho e Alecsandro (que deve começar o ano como titular) ganharão a companhia de Tardelli que deve jogar pela esquerda se aproximando da área, assim como faz Bernard pela direita. (veja como deve ficar o time)

Cuca ganha uma peça importante que será o pingo do "i", a cereja do bolo, o que faltava para tornar o time do Galo novamente amedrontador.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

Menos alarde, por favor!

Juvenal reclama de leilão e não negocia mais por Vargas

"Presidente do São Paulo acusa Napoli de mudar pedida quatro vezes e se diz decepcionado com fracasso na contratação do atacante chileno"


Meio-atacante e também meio-craque. Eduardo Vargas, do Napoli, não merecia toda essa atenção sobre sua transferência para o futebol brasileiro, afinal, está longe de ser uma solução ou uma certeza de sucesso. São Paulo e Grêmio brigaram com unhas e dentes pelo chileno e depois de mais de um mês a novela parece estar chegando ao fim e os capítulos finais devem ser em Porto Alegre.

Vargas é um ótimo jogador, óbvio. Não me atreveria a dizer que não é uma boa contratação, afinal tem faro de gol, velocidade e ótima finalização, porém não é nenhuma estrela do futebol mundial. Estamos supervalorizando o ator-mirim desse drama sem fim. No São Paulo seria melhor aproveitado, afinal, supriria a falta de Lucas, todavia no Grêmio ele chega para ser um luxo a mais do elenco.

Portanto, menos alarde, por favor! Novela já tem demais, quero ver é futebol.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

8 de janeiro de 2013

5 de janeiro de 2013

Mais um loucopositivo

Epidemia Corinthiana chega à Itália e Pato é mais um locopositivo

"Após infectar o Japão, através da presença de mais de 30 mil corinthianos durante a conquista do Bi Mundial de Clubes da FIFA, a locospirose chegou à Itália. Nesta quinta-feira (03), o Sport Club Corinthians Paulista entrou em acordo com o Milan e o atacante Alexandre Pato é o mais novo locopositivo."


Já fazia tempo que um clube brasileiro não fazia uma contratação tão grandiosa quanto essa. Ronaldinho Gaúcho, Ronaldo Fenômeno, Robinho e companhia são todos mais jogadores que Alexandre Pato, porém este é diferente; o novo atacante corinthiano é jovem, tem um futuro promissor e um dos principais nomes para o ataque da Seleção Brasileira. Esses motivos justificam o valor exorbitante pago pelo Timão pelo atleta: 40,5 milhões de reias, um recorde no Brasil.

Independente do esquema que Tite opte, Pato tem lugar cativo nessa equipe. Não só pelo dinheiro que o Alvinegro Paulista teve que desembolsar, mas também pelo que o camisa sete tem a oferecer: muitos gols. Ele deu muito certo quando jogou pelo Internacional e só não pode ser uma das maiores estrelas da Europa devido a suas lesões. Agora ao lado de Emerson, Jorge Henrique, Danilo, Guerrero, ou qualquer outro atleta, Pato tem um bom futebol para mostrar, o que com o tmepo pode fazê-lo voltar para o país onde estão os melhores jogadores e dar um belo retorno, financeiro e futebolístico, ao seu novo clube.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

3 de janeiro de 2013

Não pensem que já basta

Léo Moura aceita condições e renova com Flamengo até o fim de 2013

Antes reticente, lateral acabou concordando com renovação por apenas um ano


O Flamengo renovou com uma peça importante de seu time para a temporada que vem. O lateral-direito não vive seus melhores momentos, contudo para um elenco frágil como o rubro-negro, ele vale ouro. Com experiência e bastante tempo de casa, Léo Moura deveria deixar de ser lateral (como ele já afirmou que não gosta mais) e virar um meia pela direita, para perder a responsabilidade de defender e passar a guiar os meninos Thomás, Adryan, Matheus e companhia com seus, agora, oitos anos de clube.

Apesar de ser um bom "reforço", a diretoria do clube não deve se satisfazer apenas com isso. O Flamengo carece de bons jogadores em praticamente todas as posições, sendo assim, deveriam ir ao mercado com o propósito de montar uma equipe para voltar a disputar algo em 2014 e não abarrotar o elenco de craques sem entrosamento.


Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

2 de janeiro de 2013

Não é o melhor, mas tá valendo

Técnico do Tottenham confirma interesse em Damião: 'Está na lista'

André Villas-Boas rasga elogios ao atacante do Internacional e diz que lesões o atrapalharam em 2012. Contato nas Olimpíadas pode ajudar



Leandro Damião viveu excelentes momentos no Internacional, contudo não é mais o mesmo. Apesar de ser jovem um bom jogador e interesse antigo de AVB, o atacante não vale o investimento que o Tottenham deve fazer para tirá-lo do Brasil. Com a fortuna que será gasta para levá-lo para Londres (fala-se em aproximadamente 20 milhões de euros) o clube inglês poderia tentar outros nomes, como por exemplo: Luís Fabiano, Fred (no Brasil), Demba Ba, Drogba e Michu (na Europa).

Mesmo sendo favorável a não contratação do atacante, vale lembrar que Damião completaria o belo time dos Spurs. Ele seria o "nove" que concluiria a jogadas tramadas por Bale, Lennon e Dempsey tornando-as mais precisas e por conseguinte alavancando o clube na tabela da Premier League.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook