30 de junho de 2011

A diferença

Na rodada passada o São Paulo perdeu o 100% em um 5-0 nada agradável para a torcida tricolor, que queria a redenção nesta rodada. O Botafogo era o alvo e o Morumbi o lugar, tudo parecia bem: menos desfalques, jogo em casa, o time parecia animado para se redimir; porém não foi bem assim. O Glorioso fez 2-0 jogando um futebol absurdamente melhor.

O primeiro tempo foi do Botafogo, chegando melhor e sendo mais eficiente em seus passes. O São Paulo até chegou a assustar, todavia a bola não entrou. Rogério Ceni parecia passar segurança ao fazer algumas boas defesas, mas quando Elkesson bateu de fora da área... não deu. O camisa 01 tentou segurar, entretando espalmou para dentro das redes, mais uma falha! No início da segunda etapa Maicossuel "sofreu" um pênalti bem duvidoso; Herrera bateu e fez o 2-0. O time do Morumbi conseguiu ficar com a bola, mas jogando muito pior. Rivaldo reclamou e entrou, porém novamente não fez nada.

Os desfalques influenciaram na derrota, porém não é uma desculpa válida, já que o Botafogo também não estava com seu time titular. A equipe reserva do tricolor é horrível, com vários meninos da base sem experiência, além de Rivaldo que fala demais e faz pouco. Mas a diretoria parece que agora se mobilizou; estão atrás de reforços e parece que Cícero (ex-Fluminense), Cañete (do Universidad Católica) e Coates (Nacional-URU). A derrota foi boa para o time aprender. O Botafogo que não tinha nada a ver com a goleada sofrida anteriormente e sapecou seus 2-0.

#Resto da rodada
Outros jogos que destaco são: Fluminense 3-1 Atlético-PR; Grêmio 2-2 Avaí e Vasco 0-3 Cruzeiro. No Engenhão, Conca se despediu do futebol brasileiro: assinará com um clube chinês. Apesar da despedida o argentino não se iludiu e jogou seu melhor futebol ajudando o tricolor das Laranjeiras a vencer um dos piores clubes deste Brasileirão.


No Olímpico a então pior equipe do BR2011 Avaí surpreendeu o Grêmio. Eu já contava como certa a vitória do Grêmio e por pouco não perdeu. Conseguiu empatar correndo atrás. Apesar deste resultado ter sido impressionante eu fiquei assustado com o 3-0 do Cruzeiro sobre o Vasco em pleno São Januário. A equipe cruz-maltina dominou o jogo, porém não marcou. O time comandado por Joel Santana foi pra cima e marcou - inclusive um golaço de Montillo com direito a caneta em Dedé.

Nenhum comentário:

Postar um comentário