31 de agosto de 2014

Benatia: saiba quem é o novo xerife do Bayern


É de conhecimento geral de que para se conquistar sucesso no mundo do futebol não basta um time titular de qualidade; requer um plantel qualificado. Baseado nesta ideia Pep Guardiola montou um Barcelona que mesmo com lesões e suspensões venceu titular sem sentir as perdas.

Hoje, no Bayern de Munique, o técnico espanhol não abandonou tal filosofia e multiplicou os 52 milhões adquiridos com a venda de Mandzukic (ao Atlético de Madrid) e Kroos (ao Real Madrid). Chegaram Lewandowski, Xabi Alonso, Pepe Reina, Rode e Bernat, grandes nomes, mas quem a meu ver se destaca é o francês de descendência marroquina: Mehdi Benatia.

30 de agosto de 2014

O lixo de uns é o tesouro de outros


Fernando Torres tinha tudo para ter se tornado um craque: foi ídolo no Liverpool devido ao seu acentuado faro de gol e chegou a ficar entre os três melhores jogadores do mundo em 2008. Com o tempo, contudo, as bolas deixaram de entrar, mas mesmo assim o Chelsea apostou milhões, o que não se reverteu em sucesso. Hoje, decreta-se a saída de Torres para o Milan com a intenção de desinchar a folha salarial do dono Abrahomovic, porém fica uma observação em questão: ele pode ser o atleta certo para o Milan pelo preço que eles podem pagar.

29 de agosto de 2014

I have a dream


O racismo sempre foi um assunto, apesar de execrável, inerente à sociedade, o qual foi duramente combatido na primeira metade da década de 60, quando Martin Luther King proferiu o marcante discurso iniciado por “I have a dream (eu tenho um sonho)”. Desde então, acreditou-se que a evolução faria o preconceito racial desaparecer, porém, não é isso que se ver. Mesmo após uma Copa do Mundo que desenvolveu incrivelmente o futebol brasileiro, ainda se vê cenas de racismo nos estádios.

27 de agosto de 2014

Top 10 | Camisas da temporada 2014-15


O gol é o ápice de uma partida de futebol, deste modo, a sensação maior do esporte seria comemorar tal feito. Partindo deste ponto, nada melhor do que vibrar beijando o escudo da camisa ou a estendendo ao ar com todo orgulho de campeão. Vê-se, portanto, a importância de tal símbolo no futebol. A camisa é a síntese da torcida, pois é ela que identifica o time do coração e como muito se diz, o manto do time é como uma segunda pele.

25 de agosto de 2014

Era uma vez o patinho feio


Muita especulação, estudos táticos e demonstração de talento, giraram em torno de Dí Maria  nas últimas semanas. Então, depois de muita novela se definiu: o argentino não é mais jogador do Real Madrid. O treinador do clube, Carlo Ancelotti, confirmou: "Dí María vai sair". Muito cobiçado pelo PSG, o jogador já viajou para Manchester, e deverá ser apresentado ainda essa semana.

23 de agosto de 2014

O mundo e a bola: Ali Adnan e sua situação no Iraque

Em ação na Copa do Mundo, o craque iraquiano que terá seu futuro completamente mudado.

Muito se noticia nos grandes veículos de comunicação a violenta atuação do grupo terrorista Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL ou ISIS, em inglês) no Oriente Médio. Em pouco tempo de efetiva atuação o que talvez seja o grupo terrorista mais fundamentalista islâmico já visto (sendo um dissidente criticado pela Al Qaeda) já domina aproximadamente 1/4 do Iraque e 1/3 da Síria. Seus planos, contudo não param por aí. O grupo objetiva tomar toda a região do Levante (que cobre do Egito à Turquia incluindo Israel e o Iraque além de outros países) e ali firmar um califado, ou seja, um Estado soberanamente islâmico radical que adotaria o conjunto de leis muçulmanas à risca - a dita, Sharia.

21 de agosto de 2014

A última cartada de Júlio César na Europa


Depois de sua saída da Internazionale, o goleiro brasileiro Júlio César foi de mal a pior em pouco tempo. Foi contratado - apenas - pelo fraco QPR, da Inglaterra, onde não caiu nas graças do técnico londrino Harry Redknapp e foi para banco muitas vezes, mesmo na sua primeira temporada pela equipe. Sendo assim, foi emprestado para o Toronto, do Canadá. Após alguns flashes de boas atuações na Copa do Mundo, o goleiro ganha aquela que pode ser sua última oportunidade na Europa.

19 de agosto de 2014

Análise da primeira convocação de Dunga

Tudo o que se esperava desde a queda de Felipão era uma reformulação e hoje, na primeira convocação da segunda passagem do técnico Dunga, pode-se dizer que (ao menos na parte que lhe compete) tal reforma ocorreu. Pouco prezando pelos vínculos com a Seleção (como já havia feito em 2006-10), Dunga não foi partidário e convocou quem está com a bola cheia. Deste modo, é de se aplaudir, uma vez que do time que disputou a Copa do Mundo em casa ele manteve só o necessário (10 jogadores) e reaproveitável para 2018.

"Problemas" em Madrid


No último sábado (16) o Real Madrid jogou contra a Fiorentina em mais um amistoso de pré-temporada e acabou perdendo por 2 a 1, mas o resultado não é tão relevante, afinal o Real jogou com um time mesclado, totalmente diferente daquele que ganhou do Sevilla na final da Supercopa da Espanha. O que realmente importa e deve-se destacar como ponto-chave desse último amistoso foi a estreia de Keylor Navas abaixo da trave merengue e - mais uma - afirmação do entrosamento e qualidade de Dí Maria (que tem uma saída quase que eminente).

14 de agosto de 2014

Premier League: a nova temporada vem aí

No próximo sábado (16) começa a nova temporada do Campeonato Inglês, dando inicio com todo vapor ao futebol internacional. Uma das competições mais disputadas nos últimos tempos terá muitos motivos para ser acompanhada por nós amantes de futebol. O Nosso Futebol Clube separou alguns pontos a ser observado na temporada 2014/2015 e o que esperar dos principais times.

Uma Libertadores diferente


Pouco se noticiou no Brasil sobre a final da Libertadores e quando se falou foi pelo fato de não haver clubes brasileiros nelas. San Lorenzo e Nacional (PAR) chegaram na final dignamente, à base da legítima raça sul-americana. Vamos deixar, portanto, de pequenice e admitir que a falta de clubes de nosso não diminuiu a qualidade da competição.

12 de agosto de 2014

Explodiu

Diego Costa foi mais um jogador da cota anual de bons atacantes do Atlético de Madrid. Dando sequência à linhagem de Forlán, Agüero, Fernando Torres e Falcao García, ele faz uma grande temporada deixou o clube madrilenho rumo à Londres para defender as cores do Chelsea. Neste momento, entrou o questionamento: será que Diego terá condições de dar sequência ao seu bom futebol? Foram poucos jogos no time José Mourinho e uma resposta incontestável forma-se na ponta da língua.

10 de agosto de 2014

Enfim


Semanas atrás não se diria que o São Paulo brigaria para entrar no G-4; o time fazia uma campanha acima do esperado e proporcionalmente a equipe rendia tanto quanto o líder Cruzeiro. O tempo foi passando, os erros foram aparecendo e contra a Chapecoense, o Goiás e o Criciúma o tricolor caiu de rendimento. Após a tempestade, entretanto, vem a bonança e com uma excelente partida contra o Bragantino (pela Copa do Brasil) Ganso e Pato parecem ter feito as pazes com o bom futebol. Deste modo, a dupla da lagoa tem dado mais alegria aos torcedores do que as bisonhas espalmadas de Rogério Ceni dão aos corintianos.