29 de julho de 2012

Neymonstro

Quando, em 2010, Renê Simões falou que estávamos criando um monstro - se referindo a Neymar - ele estava certo. E agora, em 2012, o monstro está deitando e rolando nos gramados brasileiros e, agora, também nos ingleses. Se Pelé eternizou a 10, quem sabe Neymar não eternize (na era pós-Romário) essa 11?

A declaração de Renê obviamente não falava sobre seu futebol, mas sim sobre seu comportamento que de lá pra cá só melhorou. Como já disse o empresário do craque, Wagner Ribeiro, o atacante santista só erra uma vez. E foi exatamente assim. Deu o chapéu no Chicão, foi advertido e não voltou a repetir assim como quando brigou com Dorival Júnior e reconheceu seu erro.

Ousadia (e alegria) até na chuteira
Além de bom aprendedor Neymar é ousado (como propriamente se intitula). Ousado ao ponto de nunca desistir de uma jogada, ou não "pipocar" como diriam as más línguas. Se disser que ele não se dedicou é mentira, porque se o jogo está fácil ele faz questão de "engrassar" com pedaladas e dribles desconcertantes.

Contra a Bielorrússia foi exatamente assim. Ele não desistiu. Tentou muitas vezes, certo que errou várias, deixou de tocar em algumas e quem sabe até caiu em outras, porém o importante é que foi efetivo (e como foi!). É melhor morrer tentando do que se contentar com um empate como o adversário brasileiro fez.

Neymar foi a cara do jogo de hoje. Deu um passe para o gol de Alexandre Pato, que permitiu a reação brasileira. No segundo tempo a ousadia parece ter entrado em campo vestindo a camisa 11. Foi um show de dribles (ou tentativa deles) e um gol de falta ousado em que bateu no canto que o goleiro estava para tentar enganá-lo. Como toda história feliz costuma ter um final épico,  Ney fez questão de carimbar outro passe para gol; desta vez de calcanhar, e Oscar fechou a partida que deu a classificação da Seleção Brasileira.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

28 de julho de 2012

Londres 2012

As Olimpíadas começaram da melhor forma possível para o Brasil. Superando expectativas, já conquistamos um ouro e um bronze no judô e uma prata na natação. Não somos os melhores, afinal disputamos com países com mais habitantes e mais competidores, contudo é um início espetacular para o Brasil.

Por ser um evento especial (que só ocorre de quatro em quatro anos) acredito que devo postar também sobre as Olimpíadas. Admito que não sou muito fã dos jogos que este ano ocorrem em Londres, todavia o espírito olímpico me contagiou e novidades relacionadas a este acontecimento aparecerão no blog.

O Bola Cheia e Bola Murcha está voltando com algumas novidades. Nesta época ao invés de falar apenas do futebol a quadro que aparece na barra lateral deve tratar apenas das Olimpíadas, com foco para os brasileiros que lá competem. Inclusive deve mudar de nome, se souber algo bacana, comente que o quadro pode ganhar o nome que você escolheu.

Se você, que assim como eu, não é um fã louco pelos esportes alternativos e é adepto do bom e velho futebol, não se preocupe. Os posts sobre esse esporte continuarão aparecendo por aqui, porém com um ritmo menor, o qual voltará ao normal com o fim das Olimpíadas.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

27 de julho de 2012

Os Golaços da Rodada #005

A 12ª rodada do Campeonato Brasileiro foi recheada de gols importantes e, o melhor, bonitos. Pequenos clubes venceram, mesmo sem convencer, e alguns favoritos não cumpriram com as expectativas. O São Paulo, por exemplo, caiu diante do fraco Atlético-GO em um jogo de 7 gols. Já o Fluminense perdeu sua invencibilidade para o Grêmio, já que foi derrotado por 1-0. Santos e Atlético-MG foi um jogaço de 2 gols que poderiam ter sido 5 caso não fosse a péssima atuação do bandeirinha. Enfim, foram muitos golaços e "Os Golaços da Rodada #005" está no ar, confira o vídeo e se inscreva no canal:



Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

26 de julho de 2012

Perdeu, Ganso!


Paulo Henrique Ganso foi considerado um dos maiores jogadores do Brasil e com vaga garantida na Seleção Brasileira até o início de 2011, a partir daí o camisa 10 do Santos (?) começou a preocupar mais com lesões, atitudes extra-campo e o mais importante: a qualidade do futebol. A 10 da Seleção então ficou vaga e recentemente um jovem atleta colorado a assumiu. Oscar é o nome maestro canarinho e vem se dando bem na posição.

Com poucos jogos com Mano Menezes o novo garçom brasileiro conquistou a confiança de seus companheiros e, o mais difícil, da torcida do Brasil, tão preocupada com o futuro de sua Seleção, que só cai no ranking FIFA.

Se restava alguma dúvida que ele é o nome certo para vestir a camisa que já foi de Pelé, ela acabou hoje. O novo jogador do Chelsea participou efetivamente do jogo entre Brasil e Egito, válido pelas Olimpíadas. No primeiro gol, Oscar encontrou Rafael, o qual encheu o pé de esquerda para abrir o placar. Pouco tempo depois, novamente ele, tirou do goleiro egípcio e achou Leandro Damião que marcou para encerrar seu jejum de gols.

Além de habilidoso, o novo camisa 10 da Selê mostrou ser coletivo. Joga bem em equipe ao não se preocupar em fazer gols ou ser o protagonista; para ele servir os craques está ótimo. Ele faz o simples bem, o que faltava na equipe que joga a base do futebol-arte de Neymar.

Logicamente é cedo para dizer que será titular em 2014, contudo é um ponto a ser pensado até o fim do ano, uma vez que os dois anos restantes para a Copa do Mundo voam com os poucos amistosos. Ganso perdeu a vaga para um jogador mais calmo, paciente e seguro.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

PES 2013 | Demo

Aproveitando o embalo do lançamento da versão demonstração do Pro Evolution Soccer 2013 farei o segundo post seguido sobre videogame, um tema que me agrada bastante, porém podem ficar tranquilos que o ritmo de posts sobre futebol deve voltar (só que com uma alteração bacana e mais participativa).

A Demo do PES 2013 foi lançada na Europa neste dia 26 de julho, portanto apenas quem tem a PSN Europeia (não sei como funciona no Xbox 360) terá a oportunidade de já curtir o jogo. Sou um desses e posso dizer que a nova versão ficou melhor que a anterior.

A Konami manteve o capricho dos gráficos e melhorou os dribles, a atmosfera do jogo, o estilo do jogador e adicionou um novo estádio: a Vila Belmiro (que já pode ser testada na demo). Os dribles ficaram mais caprichados, porém ainda acho que faltou uma diversidade maior de possibilidades de movimentos. A atmosfera da torcida segue fabulosa com gritos o jogo inteiro. O que mais me impressionou foi Player ID (como eles chamaram), a identidade do jogador. O Cristiano Ronaldo corre igualzinho ele corre nos gramados do Santiago Bernabéu, assim como com Neymar que agora joga e até comemora de forma idêntica à vida real.

Os pontos negativos ficam para a movimentação, que apesar de melhorada ainda segue bem fraca. Os jogadores não tem a suavidade em viradas, o que prejudica muito a jogabilidade. O domínio de bola e os movimentos de passe estão estranhos. No primeiro ponto o jogador na maioria das vezes domina dando um toque alto fazendo a bola sair um pouco do chão e em uma arranca prejudica o jogo. Já o passe nem sempre parece real, faltou capricho. E os antigos pontos ruins de antes foram mantidos: árbitros e goleiros péssimos.

O jogo não ficou ruim, contudo acho que ainda está bem distante de ser o melhor simulador de futebol. Ele diverte bem para quem não joga muito, todavia os hardcore gamers - como eu - preferem o FIFA, já que se assemelha mais à realidade.

E você, curte mais PES ou FIFA? Deixe seu comentário dizendo o por que.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

25 de julho de 2012

PES 2013 | Ai se eu te pego

O futebol brasileiro nunca foi muito bem representado nos jogos de videogame. Quem nunca pegou o I. Porto Alegre no FIFA ou teve que jogar com a camisa verde da Seleção Brasileira no PES? Entretanto com o brilho de Neymar e companhia no cenário futebolístico mundial a situação parece estar mudando. Tiago Leifert e Caio Ribeiro estarão presentes no FIFA 13 e Silvio Luis e Mauro Beting já estão pelo terceiro na franquia rival.

Se você achava que a narração em português (do Brasil) já era uma bela inovação, pense então que Neymar, Elano, Ronaldinho, Lucas e companhia estão mais reais no game. Estão iguaizinhos na aparência, nos movimentos e agora até nas comemorações. Confira o trailer do PES 2013, que terá a versão demonstração lançada no dia 25 de julho (na PSN ou Xbox Live europeia), com direito a golaço do 11 santista e comemoração à la "Ai se eu te pego" com Paulo Henrique Ganso:



Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

20 de julho de 2012

Os Golaços da Rodada #004

A 10ª rodada foi uma rodada desprovida de golaços. Das poucas opções elegi estes três, sendo dois deles de apenas uma partida. Já imagina quais são? Confira e aproveite a edição de vídeo especial que voltou a aparecer aqui no blog.


*Detalhe: A ordem dos gols no vídeo saiu invertida, portanto o mais bonito foi o do Danilo e o terceiro colocado o Douglas.

Concordou com a ordem dos gols? Acha que faltou aparecer o golaço do craque do seu time? Quer sugerir uma música pro próximo vídeo (ou quem sabe divulgar a sua própria música)? Comente ou envie um e-mail para felipe@nossofutebolclube.com.br.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

19 de julho de 2012

Vergonhoso

Flamengo e Corinthians se enfrentaram ontem, no Engenhão, em um clássico de grandes torcidas. Era a maior contra a segunda maior do Brasil (quiçá do mundo) e o clima pesado. Tudo indicava que seria um jogo equilibrado, mas a vergonha começou antes mesmo do jogo começar. Joel Santana preferiu tirar Luís Antônio (que vinha bem) para deixar Renato, Ibson e o esquentadinho Aírton no meio-de-campo.

Se não bastasse essa falha do time rubro-negro o jogo já começou melhor para os corintianos. A pressão era maior por parte do atual campeão da Libertadores e o Flamengo estava completamente desligado. Tão desligado que aos 27 do primeiro tempo Bottinelli entregou de bandeja a bola para o barrigudo Douglas (ou seria o Tufão?) marcar o 1 a 0. Se o argentino entregou o primeiro gol, Renato de um belíssimo passe para novamente o substituto de Alex marcar: 2 a 0.

E não parou por aí. Romarinho teve algumas oportunidades, contudo não deixou sua marca. O talismã corintiano acertou um passe para Danilo que em boa fase acertou uma bomba indefensável para o goleiro Paulo Victor.

Paulo Victor o qual deveria ter sido muito elogiado, afinal, não teve culpa nos gols e se não fosse ele poderia ter sido pior. Em outro lance vergonhoso Aírton cometeu um pênalti infantil no atacante Emerson Sheik. O próprio Sheik foi para a cobrança... desta vez nada de vergonha, o goleirão rubro-negro fez uma ótima defesa.

Enfim, de bonito só a defesa do pênalti, fora isso o jogo foi completamente alvinegro em pleno Rio de Janeiro. E a torcida? Nenhum pouco feliz. Torcendo de costas para evitar o pior. Talvez assistir a arquibancada fosse mais interessante porque o time do Flamengo não demonstrou bom futebol em nenhum momento da partida.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

17 de julho de 2012

Nunca estive tão confiante

As Olimpíadas nunca foram tão importantes como serão daqui a pouco dias. A Seleção Brasileira desembarcou em Londres focada para conquistar a inédita medalha de ouro. A Inglaterra verá o que temos de melhor e diferente das outras edições, desta vez, caçaremos o título!

OS INCENTIVOS
A moral da Seleção Brasileira está baixa, assim como sua posição no ranking FIFA, portanto um título nessa altura do campeonato poderia fazer a situação mudar. Outro nome que está em baixo é o do técnico Mano Menezes que fará de tudo pra seguir no comanda do Brasil até a Copa do Mundo.

OS ADVERSÁRIOS
Se em uma Copa do Mundo (ou até mesmo na Copa América) o Brasil tem jogos duros para chegar a uma final, nas Olimpíadas o caminho parece estar tranquilo. Dos 15 possíveis adversários apenas 3 impõe respeito e 1 corre por fora.

Grã-Bretanha, Espanha e Uruguai tem equipes para serem campeões, batendo de frente com o elenco brasileiro. O México venceu a Copa Ouro com uma seleção jovem, portanto não pode ser descartado, já que corre por fora para uma colocação, pois dificilmente levará o título. Já as outras equipes são apensa figurantes e está para compôr a competição, afinal quem perder para o Senegal não merece ser campeão.

Vamos à Londres com a obrigação de ficar no primeiro lugar do pódio, diferente das edições anteriores que eram consideradas preparatórias para o Mundial, e por este motivo estou tão confiante. É tanta coisa que está em jogo que acredito que a Seleção, com seu jeito ousado e alegre de jogar, encantará os olhos do mundo e voltará com o ouro no pescoço relembrando os bons tempos de campeões.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

16 de julho de 2012

A Euro 2012 em números

A Eurocopa 2012 passou com várias surpresas e números bem interessantes. Quem diria que a vice-campeã da Copa do Mundo de 2010, a Holanda, não passaria da fase de grupos? Ou que o perdedor de gols, Fernando Torres seria o artilheiro da competição? Será que alguém sabia que a Rússia teve mais posse de bola do que a Espanha?

Essas e outras curiosidades estão no curioso infográfico feito pelo inglês William Waar. Se você gosta de futebol e curtiu a Euro 2012 não pode deixar de ver os números da competição. Confira:

(Clique para ampliar)

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook


Os Golaços da Rodada #3

Essa semana foi recheada de golaços e escolha dos três mais bonitos foi complicada, principalmente para desempatar entre o terceiro e o quarto. Infelizmente nesta rodada não deu para fazer a edição de vídeo especial por problema técnicos, entretanto o quadro não poderia ficar fora do ar. Confira os golaços da rodada:

3ª posição - Roger (Ponte Preta)
O atacante da Ponte Preta ajudou (e muito) a Macaca na goleada por 4 a 1 sobre o Coritiba. Dos quatro marcados pelo clube paulista, Roger marcou três e o seu último gol foi um golaço. Confira a partir dos 42 segundos de vídeo:


2ª posição - Moisés (Portuguesa)
A Portuguesa foi derrotada pelo Sport na Ilha do Retiro, entretanto o gol da Lusa foi o destaque da partida. Moisés acertou um belo chute de primeira. Veja a partir dos 2min10s:

1ª posição - Marcelo Moreno (Grêmio)
Moreno foi um dos destaques do jogo contra o Cruzeiro por ter marcado dois dos três gols gremistas. Se o primeiro não foi bonito o segundo gol do boliviano foi uma pintura. Veja o que Souza e Marcelo Moreno aprontaram pra cima da defesa cruzeirense a partir de 1min38s:


Infelizmente tive que deixar os gols de Bernard, Julio Cesar e Danilo de fora e você achou que faltou algum gol? Comente deixando o seu pódio de golaços da rodada.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

12 de julho de 2012

"Foi apenas uma marolinha"

"Foi apenas uma marolinha", como diria o ex-presidente do Brasil, Lula. O Palmeiras voltou a conquistar um título e provou que grande nunca deixa de ser grande. Pode viver uma fase ruim? Claro, mas jamais deixará de ostentar o nome que tem. Já o Coritiba é e sempre foi um clube mediano (para não dizer pequeno). Vive um bom momento, mas apenas isso. Jamais virará o clube que impõe medo em qualquer circunstância.

O futebol é estratégico, contudo irracional. Por mais que um clube viva uma má fase o seu nome, a sua camisa intimida os adversários. O Coritiba, apesar de bem montado, ainda está bem longe de chegar a esse patamar onde só 12 clubes (os quatro de São Paulo, quatro do Rio de Janeiro, dois de Minas Gerais e dois do Rio Grande do Sul) estão.

O Palmeiras foi o campeão e provou que time grande é sempre grande. Fez um jogo ruim porque podia. Podemos até destacar as "boas" atuações de Henrique e Juninho, mas no geral foi fraco. E qual o problema? Esse jogo não ficará para a história como um empate sofrido, mas como o jogo do título da Copa do Brasil.

Apesar do objetivo de ontem não ter sido vencer o atual futebol do clube do Palestra Itália é feio e desta forma dificilmente conquistarão mais alguma coisa. Falta a regularidade necessária para disputar um Brasileirão, uma Copa do Brasil pode ser decidida pelas pontuais bolas paradas de Marcos Assunção (que é um herói sem ser um craque), mas um jogo de pontos corridos jamais será conquistado assim.

A crise tomava conta do CT do Palmeiras até esses dias, todavia agora é só festa. O título foi pontual e sem ele a crise estouraria. Felipão foi um pai: conduziu até o último minuto honrando as cores e o nome do gigante paulista. Time grande é e sempre será grande.

###

E "O Palpiteiro" acerta mais uma. O resultado palpitado não foi completamente correto (por um gol), mas acertou novamente o palpite geral; que o título iria para São Paulo.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

10 de julho de 2012

As portas do futebol

Cada ser humano tem uma forma particular de agir e essas atitudes que podem fechar ou deixar portas abertas. Falando do futebol, um atleta pode deixar um clube fechando portas; acabando com futuras oportunidades em seu ex-clube. Já há outros que preferem não só abrir portas como também janelas. Esses saem por cima, adorados, e o motivo da despedida foi apenas uma melhora na carreira: proposta irrecusável.

Essa breve introdução faz uma boa referência aos camisas 10 da Seleção Brasileira: Paulo Henrique Ganso e Oscar. O antigo não é mais o mesmo herdeiro da 10 de Pelé. Lesões, discussões e comparações indevidas deixaram o clima ruim na Vila Belmiro. O que está brilhando ao lado de D'alessandro, Leandro Damião e Dagoberto vive sua fase mais feliz da carreira, com disposição e futebol para mostrar.

Coincidentemente os dois estão de saída. O colorado irá para o Chelsea, por 80 milhões de reais (segundo o tablóide inglês Daily Mail). Já o peixinho da Vila não cumpre todas as expectativas criadas em 2010, no auge dos Meninos da Vila, e pode parar justamente no Inter. 

Alguma dúvida de quem fechou as portas e deve sair sem dizer tchau?

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

9 de julho de 2012

Os Golaços da Semana #2

Na semana passada publiquei um post com os vídeos dos gols (ou quase isso) mais bonitos da semana. A interatividade com vídeos e uma escolha do golaço da semana movimentaram o blog. Por este motivo devo seguir com essa série, a qual por sinal me agrada muito.

Desta vez, ao invés de inserir separadamente o vídeo de cada de gol fiz uma edição especial (que aos poucos será aperfeiçoada), confiram os golaços da semana (que só teve Brasileirão):



Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

7 de julho de 2012

O Palpiteiro #2 - UFC

Apesar do blog ser sobre futebol essa luta merece um destaque e edição especial do "O Palpiteiro":


Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

6 de julho de 2012

Ney Franco, a aposta certa

O São Paulo anunciou recentemente que Ney Franco, o técnico da Seleção Brasileira Sub-20, será o novo comandante do clube. Das opções viáveis todas seriam apostas e com Ney Franco não foi diferente, contudo o diferencial de saber trabalhar bem com as categorias de base o transformou na melhor opção do Tricolor. Ele vive uma boa fase, entretanto jamais conquistou um título expressivo.

Ele não vem para ser mandão como Muricy Ramalho e Emerson Leão mas sim para fazer um trabalho semelhante ao de Ricardo Gomes. Um técnico amigo, entendedor do futebol e inteligente. Sua filosofia de trabalho se encaixa na do Tricolor do Morumbi, uma vez que visa utilizar e revelar jogadores das categorias de base.

Outro motivo da escolha ter sido das melhores é que boa parte do elenco do São Paulo já trabalhou com o treinador. Bruno Uvini era o capitão com Ney Franco, Willian José e Henrique (emprestado ao Sport) eram artilheiros, Lucas o craque e Casemiro o armador ideal. Caso se acerte novamente com esses atletas os são-paulinos já podem começar a comemorar, porque vitórias virão.

Apesar de todos esses pontos negativos, há que se considerar que o agora ex-técnico da Selê não será um salvador. Como todo técnico ele precisa tempo. O Corinthians campeão da Libertadores é um exemplo a ser seguido. O profissionalismo com Tite foi exemplar e com o entrosamento equipe-treinador ele pôde alcançar um Brasileirão e a taça mais cobiçadas das Américas.

Ney Franco chega para comandar o novo São Paulo, que contratou Rafael Tolói e promete trazer outro zagueiro, além de um meia e um atacante. Ele está longe de ser um Muricy Ramalho, Tite ou Felipão, todavia pode fazer uma boa temporada, como foi com Ricardo Gomes, o qual também não é um treinador fabuloso.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

Londres vem aí

A lista de convocados da Seleção Brasileira para as Olimpíadas que ocorrerão esse ano, em Londres, foi divulgada e uma questão levantada. As recentes declarações indicavam os três jogadores acima dos 23 anos seriam David Luis, Thiago Silva e Marcelo, contudo o zagueiro do Chelsea ficou de fora e o incrível Hulk aparece na lista. Seria necessário mesmo levar o camisa 12 do Porto?

Racionalmente a convocação de Hulk é desnecessária, uma vez que o Brasil já possuí Paulo Henrique Ganso, Oscar, Lucas e Neymar para o setor de meio-campo. A zaga está desprotegida. Thiago Silva era o nosso porto seguro, todavia sozinho (já que a presença de Juan/Bruno Uvini não conta muito) pouco pode fazer.

Outra decisão que poderia ter sido mais bem pensada foi a escolha do número de laterais. Não há necessidade de levar quatro deles para Londres, ainda mais quando temos apenas dois volantes (Sandro e Rômulo).

Apesar de várias críticas o time não está ruim. Uma equipe com Neymar não pode ser ruim. O menino é craque e com outros craques ao seu lado o bom rendimento é certo. Oscar se encontrou, a dupla de volantes parece estar certa e até o ataque foi definido com Leandro Damião e Alexandre Pato (!).

Bons jogos, como os contra os Estados Unidos e a Argentina, mudam o status até de Mano Menezes e são essas partidas que devem servir de referência. O técnico da Seleção passou de odiado para aceitável. Ele é uma incógnita. Entretanto é justamente essa interrogação que pode conquistar a primeira medalha de ouro brasileira no futebol.

Confira a lista de convocados de Mano:

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

5 de julho de 2012

102 anos

Foram 102 anos de uma história sofrida, brigada e por que não "malocada". O Corinthians demorou, mas enfim alcançou o que faltava. O estádio chegará, a Libertadores está mãos e a última Boca foi calada. 102 anos. Campeões do jeito mais corintiano possível, com sofrimento e muita briga.

Os títulos costumam ser marcados por um ou dois nomes no máximo. O Flamengo de 1981 era comandado por Zico. O São Paulo de 1992 e 93 foi guiado pelo camisa 10, Raí. Porém o Timão (difícil sair esse apelido da minha boca) não teve um nome. Foram todos!

Todos mereceram. Uns mais que outros, mas o título foi coletivo. Cássio, Chicão, Leandro Castan, Fabio Santos e Alessandro; Ralf, Paulinho, Danilo e Alex; Emerson "Sheik" e Jorge Henrique mais os reservas são todos campeões. Juntos!

A vitória foi merecida. Foi consequência e premiação de um trabalho bem feito por Tite. Há jogadores desta equipe que não queria ver campeão (um deles, como já deixei muito claro em outros textos é o Jorge Henrique), contudo hoje não é dia de criticar. Depois de 102 anos é dia de festa; dia do corintiano.
Parabéns!

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

4 de julho de 2012

O Palpiteiro #1

Novo quadro de palpites do NFC.


abs,
Felipe Simonetti

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

2 de julho de 2012

Os golaços da semana

O gol é um momento especial da partida. Um golaço então se torna um lance notável do ano. Essa semana foi marcada pelos bonitos que demorarão para sair da cabeça dos torcedores que sempre que criticados lembrarão daquela bola que entrou nas redes de forma mágica calando os críticos. Confira os três gols (ou quase isso) mais bonitos da semana e deixe seu comentário falando se concorda ou não, além de deixar outros belos lances:

3. Sergio Ramos (Espanha)
Apesar da jogada ser linda a bola acabou não entrando, por este motivo merece a terceira posição, caso contrário estaria facilmente no ponto mais alto do pódio.




2. Julio Cesar (Figueirense)
Esse gol foi uma pintura e só não ganhou a primeira posição, já que a jogada do lance seguinte foi brilhante. Julio Cesar recebeu um cruzamento sob medida e de primeira... assista:




3. Jô (Atlético Mineiro)
O centro-avante atleticano, Jô, e seus companheiros Bernard e Ronaldinho Gaúcho vivem um grande momento e neste domingo o trio marcou um golaço. O dentuço cobrou um escanteio e dentro da área acabou sendo desviada para a lateral esquerda do campo. Bernard aplicou dois lençóis e emendou um passe para Jô finalizar o lance com um golaço de voleio. Confira:



Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

1 de julho de 2012

Seja bem-vindo

Clarence Seedorf seja muito bem-vindo ao nosso país, o Brasil. O que sediará a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016. O país do futebol, que infelizmente está em baixa no mercado mundial. Seja bem-vindo porque a solução começa em você. Nós precisamos de você. Talvez não como jogador, mas como embaixador.

O futebol brasileiro vive uma decrescente desde 2006 quando o último clube brasileiro faturou o Mundial, no caso, o Internacional. A crise se alastrou e o nosso esporte se tornou apenas um mercadão para os europeus que chegam de jatinho escolhem seus produtos e levam o nosso melhor tirando sorrisos dos vendedores. A chegada de Seedorf e a permanência de Neymar, Dedé e Lucas são importante justamente por isso.

"Você conhece o Busquets porque ele joga com o Xavi e o Iniesta, não porque ele é o Busquets. Ele é uma merda" disse Rica Perrone no União Cast #5. Essa frase abre discussão para um tema que ele mesmo abordou de que se mantemos estrelas e trazemos outras as pessoas começarão a olhar para um Arouca, Fágner, Cícero. E os nossos jogadores passarão a ser os "queridões".

Tem muito jogador do exterior que sonha em jogar no Maracanã. Sonha em vestir a 10 de Pelé ou então sentir na pele o clima de um Fla-Flu. O Brasil está se organizando para tornar isso real. Cristiano Ronaldo e Messi estão fora dos planos, mas quem sabe não vemos seus filhos decidindo um Campeonato Brasileiro.

Tudo pode estar começando agora. A chegada de Seedorf intensificou o que já tinha começado com a chegada de Ronaldo em 2009 e se ampliou com a volta de Adriano, Luís Fabiano, Deco e Liédson. É um plano a longo prazo e que enfim foi posto em prática. O primeiro sonho (de contratar o holandês) já se realizou, agora temos que buscar novos. Movam-se, São Paulo, Corinthians, Botafogo, Flamengo. Independente de quem for, mas vamos transformar o futebol brasileiro no melhor futebol do mundo, porque o mais competitivo e divertido já temos.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook