3 de julho de 2011

Esperávamos mais!

A nossa seleção estreou contra a Venezuela hoje pela Copa América num empate muito ruim de 0 a 0. Não foi o jogo que queríamos. A seleção  não criou boas chances de gol, e em horas que era para ter finalizado preferiu enrolar e fazer firulas. O Brasil, se continuar assim, não irá conseguir bons resultados. Está com um bom time no papel, entretanto falta (e como) entrosamento.

A defesa venezuelana não deixou o Brasil marcar seu gol tão esperado
O jogo foi um fracasso, o quarteto ofensivo do Brasil não funcionou, nenhum deles criou muitas chances boas de gol, a não ser os chutes de Pato (travessão) e de Robinho. Eles ficaram no drible ao invés de serem objetivos e finalizarem mais, logo, não conseguindo superar a defesa da Venezuela. Todavia no lado contrário do campo, na defesa, foi uma bela partida, pois os zagueiros Thiago Silva e Lúcio trabalharam muito bem, e não deixaram que o ataque venezuelano provocasse dificuldade para o goleiro Júlio César. 

As melhores chances do Brasil foram, com Pato, depois de um passe de Daniel Alves, o atacante dominou e soltou uma bomba no travessão, e com Robinho, em um contra-ataque onde estavam 3 contra 2 e depois do passe de Neymar, chutou, tirando do goleiro, mas a bola foi fraca, dando tempo do jogador venezuelano chegar de carrinho e não deixar a bola entrar.

Faltou vontade de vitória a qualquer custo! Um jogo mole desses contra uma Espanha ou Holanda não tem vez!

Nenhum comentário:

Postar um comentário