2 de fevereiro de 2012

A coisa tá feia!

É de conhecimento geral que o Flamengo vive uma crise terrível e já deve mais de 3 milhões à Ronaldinho Gaúcho, mas ele não é o único prejudicado, talvez nem o mais prejudicado. Deivid, por exemplo, está cobrando do Fla a tempos e não recebeu nada, devido ao privilégio dado ao camisa 10.

Deivid, sempre respeitou todos: seja a imprensa, o clube (nunca chegando atrasado) e a torcida, se esforçando o máximo que pode. E o que ele ganha? Aquela fama de gordo-preguiçoso. O Rubro-Negro deve mais de um ano de direitos de imagem ao atacante, o qual não teve saída e teve que entrar na justiça para receber esse dinheiro. O que grande parte da torcida acha? Que o camisa 9 é um grande mercenário e não apoia a briga do atleta simplesmente por ser um perdedor de gols nato.

Problema com salário é complicado. Por mais que um jogador receba muito (e esses milhares de reais não façam diferença - para alguns) o contrato deve ser cumprido, aparentemente diferente do que pensa o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares. Esse tema fica para outro dia, o que está mais em evidência é a má administração de Patrícia Amorim que tenta cobrir todos os problemas com a contratação de Vágner Love.

Podemos pensar que esse milhões pagos para ter Love e os 700 mil de seu salário não tem nada a ver com o salário dos jogadores, já que quem pagará os valores será uma empresa investidora. Isso pode até ser plausível, não obstante não é assim que a coisa funciona na cabeça do jogador, pois afinal ele está a mais de 1 ano sem receber um dinheiro importante.

Para contratar uma estrela o investidor e patrocinador aparece rapidinho para estampar camisa, short, meia e seja lá o que for, porém quando se trata de pagar aquela dívida de quem não rende o esperado... a coisa demora.

O Flamengo vive um período muito complicado e as vezes a própria torcida rubro-negro se encontra perdido no meio deste tiroteio de informações das grandes mídias. O que sabemos que é que milhões e milhões de reais aparecem facilmente para contratar Vágner Love, mas quando precisam pagar pendencias (que as vezes não chegam a 1 milhão) a coisa demora a andar.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

Um comentário:

  1. Também acho! Com a classificação para a Libertadores pode aliviar a situação dentro de campo, pelo menos, mas o problema é a maior que isso. Pra mim, a administração da Patrícia tá descontrolada. Nem tão ruim porque conseguem contratar bem (na teoria), mas fazem isso sem nenhum controle e sem perdem gastando dinheiro num ponto e faltando em outro. A coisa tá feia!

    ResponderExcluir