17 de junho de 2009

Bye bye Libertadores


Palmeiras, um clube brasileiro que eliminou outro, mas agora quem sai é o Verdão. No Palestra Itália o jogo ficou de 1 a 1, o Palmeiras precisa de um empate com gols para não ser eliminado direto, ou vencer. Mas isso não aconteceu, 0 a 0 foi o placar que terminou o jogo no Uruguai.

O Palmeiras, um grande favorito para vencer o campeonato, foi eliminado por "nada mais nada menos" do que o Nacional, clube uruguaio de Montevidéo, que é tricampeão da própria Taça Libertadores da América. O Palmeiras tentou, insistiu, mas nada entrou, aos 45, já no desespero Cleiton Xavier tentou encobrir Muñoz, mas o goleiro se recuperou e fez a defesa, Cleiton no primeiro tempo já tinha quase feito um gol olímpico, a bola tocou o travessão após um toque do goleiro Muñoz. Até o goleiro Marcos considerado "santo" pela torcida do Palmeiras tentou marcar, no desespero ele correu para a área e quase marcou o gol salvador do Verdão.

Houve um lance duvidoso no primeiro tempo, Armero cruzou pela esquerda e Coates desviou com a mão para fora, só que o equatoriano Carlos Vera marcou apenas escanteio, vaia geral.

Agora não é mais possível acontecer uma final brasileira, os únicos restantes são, São Paulo, Cruzeiro e Grêmio, só que o problema é que o São Paulo enfrentará o Cruzeiro, então só darão para chegar dois brasileiros nas semi-finais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário