13 de janeiro de 2010

O Vasco sai do Engenheiro Araripe apenas com o empate

O Vasco jogou esta noite com a Seleção Capixaba, no estádio Engenheiro Araripe-ES.E é claro que estive lá, e não foi sozinho, o Guilherme Zago - autor do blog - foi comigo. O jogo foi bem fraquinho. Carlos Alberto não jogou por ter sentido no treino. Bom, veja abaixo como foi cada parte da ida ao estádio:

A chegada
O estádio estava lotado, demoramos um bom tempo na fila. Quando estávamos chegando perto da entrada a Força Jovem - torcida organizada do Vasco - chegou e embolou tudo. Mas enfim entramos e conseguimos bons lugares na arquibancada.

O susto
O primeiro tempo foi bem desanimado, o Vasco teve uma grande chance no início e mandou no travessão. O jogo foi seguindo, com ataques dos dois times. Phillipe Coutinho teve chances, mas tentou inventar e acabou perdendo a bola. Quando a Seleção Capixaba tocava na bola a torcida já começava com as vaias. O jogo foi se mantendo no 0 x 0 até por volta dos 35 minutos quando o time "improvisado" capixaba, marcou o 1 x 0. Os vascaínos se calaram...

10 novos e 1 gol
Vágner Mancini colocou 10 jogadores no segundo tempo, e mais um "puxão de orelha" fez o time andar para frente. Chegaram, chutaram e perderam duas chances claras de gol. Mas por volta dos também 25 do segundo tempo, o clube da cruz-de-malta fez o 1 x 1, que foi mantido até o fim.

Tive uma surpresa quando saia do estádio. Vi um homem pendurado na grade, achei que estava caindo, mas fiquei olhando, de repente ele se ajeitou e ficou bem; em seguido o torcedor com a camisa igual a do goleiro Fernando Prass pulou a grade invadiu o campo e saiu correndo no meio do jogo. Ele foi contido pela polícia e deve ter sérios problemas.

E tenho um recado a dar. O estádio Engenheiro Araripe não está em boas condições para receber um jogo deste. Na entrada houve muito tumulto e apenas um portão, que estava mais para uma porta, estava aberto. O estádio é pequeno não tem segurança para os jogadores. Como foi relatado um torcedor invadiu facilmente o gramado.

6 comentários:

  1. não foi 25 minutos do primeiro tempo que aconteceu o priemiro gol não, foi aos 35 do primeiro tempo.

    ResponderExcluir
  2. Felipe não houve muito tumulto, o único tumulto foi so la na hora de entrar no estádio naquele portão pequeno, e tem sim segurança para os jogadores a unica coisa errada em questao a segurança é que a rede que o torcedor invadiu o campo estava rasgada e da facilmente para ultrapassa-la.

    ResponderExcluir
  3. É nesse quesito que eu acho que a segurança esta ruim; você viu como facilmente o torcedor invadiu o campo.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  4. Ata eu tinha entendido outra coisa, pensei que fosse falta de segurança para os jogadores.

    Abraço

    ResponderExcluir
  5. Guilherme você entendeu certo, a segurança para os jogadores está precaria. Se o torcedor que invadiu estivesse armado, facilmente ele iria ferir um jogador.
    Um abraço

    ResponderExcluir