20 de junho de 2010

Agora vai!!!

Hoje a nossa seleção brasileira jogou bem e bateu a Costa do Marfim de Drogba por 3 a 1, com boa atuação de Kaká e show de Luis Fabiano, marcando dois golaços.

Com o Soccer City pintado de verde e branco a seleção brasileira já foi para cima no começo com um chute de fora da área de Robinho que passou longe do gol, após isso a seleção marfinense mostrou que não estava para brincadeira e dominou o meio de campo interceptando muitos passes e jogadas deixando o jogo embolado. Quando o Brasil conseguiu passar pelo bloqueio marfinense fez o gol, aos 24 minutos, Robinho mandou para Luis Fabiano que de calcanhar mandou para Kaká que o devolveu deixando cara a cara com o gol mais um pouco sem ângulo, Luis mandou um foguete no ângulo sem chances para goleiro, um golaço, para o alivio da nação, 1 a 0 Brasil.



Mais o Brasil não melhorou muito com o gol, porém tinha a posse de bola. A Costa do Marfim só chutou ao gol aos 45 com Yaya Toure, mais barrado nas mãos de Julio César.

Na fase complementar, Luis Fabiano abriu uma chapelaria aos 6 minutos, por quê? Simplesmente dominou a bola com o braço, chapelou o primeiro, dominou, chapelou o segundo, dominou e de voleio mandou novamente um canhão para o fundo das redes, 2 a 0 Brasil, sejamos sinceros, acho que nem preciso comentar sobre este “golzinho” do Luis Fabiano, né?




O golaço animou a seleção que passou a atacar mais e o terceiro gol não tardou, aos 17, Kaká desceu pela intermediária esquerda, invadiu a área e cruzou rasteiro para Elano marcar, na comemoração tirou as caneleiras e mostrou para a câmera, cada uma tinha o nome de suas filhas.Essas caneleiras foram muito úteis, quando Elano recebeu uma entrada criminosa de Tiotê, mesmo assim o meia do Galatasaray saiu carregado de campo não conseguindo pisar no chão. Com o jogo perdido os marfinenses se preocuparam em bater, primeiro em Michel Bastos, e depois em Kaká que tomou um golpe de judô de Yaya Toure, o nosso camisa 10 entrou na onda e perdeu a cabeça dando uma leve cotovelada em Keita que fez uma cena de teatro e conseguiu expulsar Kaká.

Ainda teve o gol da Costa do Marfim, aos 33 o craque Drogba recebeu cruzamento de Yaya Toure e subiu livre para cabecear sem chances para Julio César.




A figurinha do jogo foi Luis Fabiano que desencantou e marcou dois golaços contribuindo para a vitoria da seleção brasileira.

Postado as 21h20

Nenhum comentário:

Postar um comentário