1 de fevereiro de 2011

Brasil começa bem o hexagonal, 5-1

O Brasil dançou... na comemoração! (Foto: Terra)


O Brasil começou vencendo no hexagonal final a Seleção Chilena por 5-1 assumindo a liderança na frente do Equador, que venceu a Argentina por 1-0, com um show. O hexagonal é formado por Brasil, Equador, Uruguai, Argentina, Colômbia e Chile respectivamente. Os dois primeiros colocados se classificam para as Olímpiadas e para o Mundial e o 3º e o 4º vão apenas para o Mundial.

Na primeira etapa o jogo foi bem equilibrado e os gols saíram bem no início do jogo. Quando Neymar invadia a área ele foi derrubado e na cobrança converteu aos 17'; uma bola bem batida, mas o goleiro também ajudou quando demorou a pular. Enquanto era mostrado o gol e a comemoração irreverente de Neymar o Chile saiu com a bola e rapidamente marcou um gol com Carrasco que bateu da linha de fundo e o goleiro Gabriel falhou e deixou passar; me lembro um pouco o gol que Maicon fez contra a Coréia do Norte. Neymar chegou a cair na área na continuação do jogo, o juiz entendeu simulação e deu o amarelo para o moicano. Em outro lance de contra-ataque Willian passou para Neymar que escorregou e não conseguiu concluir, na continuação Oscar mandou para fora. O Chile também assustou e quase marcou mas Gabriel salvou; em outro lance Gallegos invadiu a área e foi derrubado por Casemiro, mas o juiz não marcou nada.

Não deu nem tempo de respirar e Neymar marcou aos 2 minutos do segundo tempo. E o Brasil sufocou o Chile; chegou muito mais e ainda teve um pênalti a favor não marcado, sofrido por Neymar com o árbitro em cima do lance. O terceiro gol da Seleção Canarinho foi aos 19' com Lucas que bateu por cobertura o goleiro, "ensinando" Casemiro - que lances antes havia tentado encobrir Álfaro, mas não teve sucesso - a bater de cobertura.

A pressão continuou a mesma; Lucas saiu machucado, mas nada muito grave; Willian José também caiu, mas continuou em campo. Aos 34' Diego Maurício entrou no lugar de Lucas e com passe de Neymar marcou o 4-1. O jogador do Flamengo ainda deu assistência para o 5º gol do Brasil, com Willian aos 43'. Neymar ainda chegou a sair no final para a entrada de Henrique.

Foi um excelente jogo com várias chances para o Brasil e algumas bem perigosas para o Chile. Um jogo movimentado que deu gosto de ver. Vimos o primeiro gol de Lucas na competição, em minha opinião a melhor atuação de Oscar e um futebol bem ao estilo brasileiro dentro de campo. O Brasil deu um verdadeiro show.


Agora o próximo jogo será contra a Colômbia na sexta-feira as 00h10.


Figurinha da partida
Fiquei com a opinião divida: Neymar ou Lucas? Fico com o jogador são-paulino, pois o camisa 7 foi fominha e acabou desperdiçando mais chances de gols. O 10 jogou muito bem, arrancou, driblou e anotou seu primeiro no Pré-Olímpico Sub-20 de cobertura; um verdadeiro gol de placa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário