13 de março de 2011

Ganso é gênio


Ao fim da estréia de Ganso, onde o meia entrou no segundo tempo, participou efetivamente do primeiro gol e marcou o segundo - fora os passes espetaculares -, seu companheiro de Santos, Elano, o elogiou muito e disse que poucos jogadores no mundo tem uma visão de jogo como a dele; poucos são camisas 10 como ele.

Paulo Henrique voltou a jogar depois de 199 dias fora; claro que está pior do que quando machucou, mas voltou em alto nível. Fico impressionado com sua visão de jogo e vi que ela segue apurada no lance em que ele parou, levantou a cabeça e mandou um passe perfeito para Zé Eduardo, que parou e tocou para Elano que fez o primeiro gol. No segundo gol Ganso participou do início da jogada e correu para a área marcar, fez um papel de centro-avante. Com esta movimentação vemos que PH tem a completa noção de jogo; coisa que muitos jogadores de 25...30 anos não tem.

É cedo para falar que Ganso será o melhor do mundo ou melhor do Brasileirão, mas se continuar jogando desta forma ele tem grande chance de se tornar o melhor do Brasil e quem sabe daqui a uns 3 ou 4 anos o melhor do mundo. Como bem disse Elano ele lembra jogadores do passado que tinham excelente visão de jogo. Torço por Ganso e por todos os outros craques, para conseguir todos os títulos ele tem que manter o foco no que quer e se dedicar como estava se dedicando; continuar com a liderança que tinha e é claro conseguir resultados.

Um comentário:

  1. A conquista da Copa dentro de casa, em 2014, passa obrigatoriamente pelos pés de Ganso.
    Que Deus o conserve!


    Saudações!!!

    ResponderExcluir