18 de junho de 2011

Ídolos do Brasil: Neymar

Com apenas 19 anos de idade Neymar da Silva Santos Júnior já é ídolo e exemplo de várias crianças e pessoas no mundo inteiro. Seu cabelo moicano, sua habilidade e poder de precisão fazem dele um jogador diferente, quase que único. Craque do Santos, o menino da Vila já é presença certa na seleção de Mano Menezes.

Desde criança, Neymar, franzino, já se destacava nas categorias de base do Santos. Sua carreira emergiu apenas em 2009, começando no início do ano pela seleção Brasileira Sub-17, logo na estréia marcou um golaço sobre o Japão na vitória por 4-2 - infelizmente logo depois foi eliminada na primeira fase da competição. No Santos subiu para o profissional e criou uma grande expectativa em todos, mas a pressão e a inexperiência não o deixaram jogar tanto; 2009 foi um ano de aprendizado ao lado de PH Ganso.

No ano seguinte tudo começou como ele sempre desejou. Diretoria nova, time novo, tudo novo no Santos. Neymar formava ataque ao lado de Robinho e André, logo atrás vinham armando: Arouca, Wesley e Ganso. Um verdadeiro timaço. Santos vencia, e vencia muito bem com várias goleadas incríveis, era jogo bonito. Neymar se destacava e esse esforço todo deu em dois títulos, a Copa do Brasil e o Campeonato Paulista. O craque do Santos chegou a receber proposta do Chelsea, todavia não deixou o alvinegro praiano.

2011 começou de forma especial com os holofotes virados para Neymar. Logo no início já foi convocado para disputar a Copa Sul-Americana Sub-20 pela Seleção Brasileira, foi o melhor do campeonato e artilheiro - além de conquistar o título. Voltou para o Santos e conseguiu o Campeonato Paulista, sendo o melhor da competição. Agora, depois de tudo isso, o Santos está na final da Libertadores (a um passo do título) com Neymar, ao lado de Elano e companhia, dando um show. Infelizmente o Brasil logo perderá um jogador como "Ney"; tudo indica que em 2012 já não estará mais no país "tupiniquim".

Bem leitores do blog, sou Guilherme Martins e vou postar semanalmente sobre alguns ídolos do Brasil (como diz o nome da coluna), principalmente alguns meninos brasileiros que estão se destacando. Sobre o Neymar só tenho a dizer coisas boas, sou santista, gosto muito dele, logo acho ele um craque e que ainda pode crescer muito no futebol, e até chegar a ser o melhor do mundo, quando for jogar na Europa.
Até a próxima semana !

Nenhum comentário:

Postar um comentário