30 de outubro de 2011

Destaques da 32ª rodada



Um dia de rei!
Neymar viveu um dia de melhor do mundo, melhor que Messi; digamos que um dia de Pelé! O camisa 11 santista fez 5 gols, sendo que um deles foi anulado. Nesse pique de marcar gols (já são 11 no Brasileirão) o jovem moicano entra de férias (o que ele ainda não teve esse ano) para se dedicar a preparação para o Mundial, no fim do ano, contra o Barcelona.

O jogo dos goleiros
São Paulo e Vasco duelaram em São Januário para alcançar seus objetivos. O tricolor paulista queria chegar o próximo possível de entrar novamente no G-5; já a equipe cruzmaltina jogou para manter a liderança. E advinha quem venceu? Ninguém. Os destaques da partida foram para as brilhantes defesas do reserva Dênis e do melhor goleiro do campeonato, Fernando Prass.

Para o Gaúcho aprender!
A torcida gremista queria se vingar de Ronaldinho Gaúcho e fazê-lo aprender que não se deve brincar com os tricolores. O Flamengo saiu vencendo, no Sul, por 2-0. O jogo parecido vencido, porém como a própria alcunha diz, o Grêmio é o: Imortal Tricolor! Eles não desistiram e não só viraram como deram um show fazendo 4-2 para os times da casa.

O jogo mais zicado
Atlético-MG e Palmeiras vivem intensas crises a alguns anos e hoje se enfrentaram em um jogo bem estranho também. O Galo venceu a partida por 2-1, porém de uma forma bem peculiar. O "craque" palmeirense, Valdívia, foi expulso. O Galo fez o 2-0 e Felipão mandou o alviverde pressionar, todavia a tática não funcionou, uma vez que Maurício Ramos também foi expulso. O Galo tinha a bola em seus pés, todavia quem marcou foram os visitantes, com Luan. Cuca estava contente pela vitória, mas quase sofreu o empate com diversos lances de bola parada pelo lado do Palmeiras. Enfim, o Galo venceu conseguiu fugir da Zona do Rebaixamento e colou no próprio Palmeiras que cada vez mais afunda na própria crise.

Um comentário:

  1. Outro destaque foi o Figueirense, que chegou a 11 jogos invictos, sendo 4 vitórias seguidas. Sem duvida a grande surpresa positiva do campeonato. A negativa não pode deixar de ser o Cruzeiro. Se bem que isso não me surpreende muito.

    ResponderExcluir