5 de dezembro de 2011

A justiça foi feita

A FIFA anunciou os finalistas do prêmio Bola de Ouro, que elege o melhor jogador do mundo com votos do técnico e capitão dos maiores clubes e seleções. Neymar era cotado, por muito (3/11 votos na nossa enquete) - principalmente brasileiros - para ser o melhor jogador do mundo, mas o camisa 11 do Santos ficou de fora da disputa. A justiça foi feita e Messi, Xavi e Cristiano Ronaldo são os três melhores jogadores do mundo.

Neymar jogou muita bola nessa ano, não só em qualidade, mas também no número de partidas. O craque santista conquistou nessa ano de 2011 três títulos importantíssimos - coisa que o campeão brasileiro, Corinthians, e o campeão da Copa do Brasil, Vasco, não conseguiram fazer - o Campeonato Paulista, a Taça Libertadores e o Campeonato Sul-Americano com a Seleção Brasileira Sub-20.

Apesar de tantas conquistar ainda falta bastante para Neymar chegar ao nível de Messi, Xavi e Ronaldo. O argentino da show em praticamente todas as partidas, com gols e dribles desconcertantes; assim como o português que entra forte nesse ano para levar o título. Já Xavi tem um estilo de jogo diferente; ele não contribui para o individual, todavia é o maestro da grande equipe do Barcelona.

O "peixinho" da Vila está no caminho certo e se seguir no mesmo ritmo pode conquistar algo que jamais foi conquistado: ser o melhor do mundo jogando no Brasil. Torço por ele, apesar de achá-lo muito egocêntrico. Neymar é craque, mas ainda não chega aos pés do Messi, que destrói clubes como Real Madrid e Arsenal, enquanto "Ney" vence Peñarol e Colo-Colo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário