6 de maio de 2012

Mata-mata 4 X 1 Pontos Corridos

A goleada por 4 a 1 do Fluminense sobre o Botafogo não serviu apenas para mostrar que o Flu (quando quer) é superior ao Bota. Ela revelou também duas formas diferentes de preparação para um campeonato apresentando resultados evidentes.

O Botafogo, que estava invicto a 23 jogos, foi montado por Oswaldo de Oliveira para um campeonato longo de pontos corridos e demonstrou isso nas fases de grupos do Campeonato Carioca. Nos mata-matas não se mostrou tão eficiente e só chegou a esta final pelo fato de ter encarado o Bangu nas semi da Taça Rio.

Já o Fluminense preferiu um trabalho com alto nível de intensidade. A equipe de Abel é preparada para encarar mata-matas e jogos de emoção, como uma Libertadores ou no caso (o Cariocão). Eles se dedicaram fortemente na Taça Guanabara e deixou a naturalidade levar contra o Vasco. Quando disputavam a Taça Rio prefeririam focar-se na Liberta, a qual obtiveram exito.

Agora, contra em um confronto onde um teria que olhar nos olhos do outros com torcida e torcida de uma equipe versus a do outro  Flu se saiu muito melhor. O oportunismo e efetividade nos ataques é notório com Fred, Deco e Thiago Neves no comando. O Botafogo demonstra um futebol mais organizado, ditado por Renato e até os pontas Elkeson e Maicosuel que insistiram sempre nos ataques laterais.

Neste caso o Flu se saiu melhor, entretanto, com essas equipes nessa mesma fase, porém no Brasileirão, o Glorioso estaria degraus acima. Esse início de ano não diz nada sobre o que acontecerá no nacional. O Tricolor das Laranjeiros inclusive tem maior potencial para despontar. Seu emocional é mais controlado e a qualidade geral da equipe melhor. Regularidade apenas não basta, falta ao Botafogo ousadia e um time que tenha "goleabilidade" sobre os outros.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário