30 de agosto de 2012

Do jeito que o esporte gosta

Os caras do jogo
O São Paulo, durante e após a Era Muricy Ramalho, ficou conhecido pelo time que jogava por resultado. Fazia 1 a 0, se fechava, trocava atacante por volante e considerava aquilo um grande resultado. Vários técnico passaram pelo clube tentando mudar a filosofia de jogo, contudo falharam. Hoje, Ney Franco mostrou ser capaz de fazer o que ninguém fez de 2006 pra cá.

O técnico se aproveitou das falhas defensivas e do poder de fogo insuficiente do Botafogo e mandou o time todo pro ataque. O primeiro gol saiu logo aos 5 minutos, com Luís Fabiano driblando Jéfferson e marcando mais um golaço no Brasileirão.

O jogo estava nas mãos do São Paulo que não se fechou, como o time de meses atrás, mas foi para cima com o intuito de ampliar o placar. O problema era o goleiro Jéfferson que como uma muralha não deixava nada passar.

Se de um lado o camisa 1 garantia o 1 a 0, do outro o "01" evitava o empate. Rogério Ceni também fez boas defesas nos momentos bons do Botafogo no início do segundo tempo. Quando os botafoguenses acreditavam no empate Ney Franco fez o inesperado, sacou Paulo Assunção, colocou Osvaldo e deu mais movimentação no jogo, botando mais fogo no adversário.

Desta forma não demorou para sair mais gols. Osvaldo fez o 2 a 0 em um rebote do chute de Luís Fabiano. Aproveitando que o Fogão estava quase desligado - em fogo baixo - Lucas tirou da defesa e ampliou dois minutos mais tarde. E ainda teve espaço para mais um. Osvaldo tirou de Jéfferson e passou para Cícero completar a goleada.

Lucas, Luís "Fabuloso" e Jádson foram os caras da partida. Decidiram com dribles, assistências e gols. O camisa 10 foi o que mais surpreendeu e já entrosado com a equipe armou o jogo como um verdadeiro camisa 10.

O São Paulo assim, jogou como o esporte gosta: pra frente, com gana de marcar mais gols e ampliar o placar. Para coroar a atuação, saíram do gramado aos gritos de "o campeão voltou". É cedo para dizer, porém com esse futebol o time do Morumbi vai longe.

Acompanhe o NossoFutebolClube também por Twitter e Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário