25 de janeiro de 2013

Hoje não!

Neymar foi desrespeitoso, diz Nunes: 'Pensei dez vezes. Eu ia quebrá-lo'

"Lance em que atacante do Santos coloca as mãos na cintura e, em seguida, tenta aplicar uma carretilha irrita atacante do Botafogo-SP"



Novamente Neymar está iluminado pelos holofotes de polêmicas. Isso já ocorreu quando o atacante se desentendeu com Dorival Júnior e quando aplicou um chapéus em Chicão quando o jogo já estava parado. Nos dois casos o camisa onze estava errado e aprendeu com isso, hoje não está e espero que não tenha que mudar o seu jeito de jogar.

Está certo que a mão na cintura no momento do drible no atacante Nunes (do Botafogo-SP) era dispensável, contudo é a ousadia que diverte no futebol. Por esse motivo que Messi e Cristiano Ronaldo são eleitos melhores do mundo e Pirlo não, já que "só" dá passes. Como disse Muricy Ramalho: o futebol tem muito "toquinho pro lado"; falta um diferencial. Assim sendo, um atleta (ainda mais brilhante como Ney) não pode sofrer opressão por fazer o que todos gostam. Ele e Nunes foram longe demais. O santista não precisava ter provocado, mas nada justifica o pensamento do botafoguense. Sorte do futebol que a carretilha não foi completa e Nunes foi lúcido o bastante para segurar sua vontade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário