23 de abril de 2013

Em aberto

Se em Munique a partida foi um encontro da maior força da Espanha contra a maior força da Alemanha, a outra partida das semifinais da Champions League envolveram as duas segundas potências desses dois países, mas nem por isso ficará para segundo plano. Uma partida envolvente, sem grandes favoritos, entre Borussia Dortmund e Real Madrid será o início da decisão do outro finalista da maior competição da Europa, nesta quarta-feira, em Dortmund, no Westfalenstadion.

O Real Madrid contará o artilheiro da UCL (com 11 gols) e segundo melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo; não obstante não terá em campo nem o melhor lateral-esquerdo do planeta e nem o melhor goleiro. Marcelo sofreu uma lesão e será substituído por Fabio Coentrão; já Casillas foi barrado por José Mourinho e ficará no banco pra Diego López jogar.

Do lado amarelo do confronto não existem desfalques, porém há uma consideração importante a ser feita. A informação de que Mario Götze foi vendido ao rival Bayern de Munique vazou em um momento inoportuno e já pregado como Judas, o menino-de-ouro não deve escutar aplausos como está acostumado, em seu lugar, ouvirá vaias e gritos de “traidor” bem sonoros.

O Real Madrid, obviamente, é um clube de maior expressão que o Borussia Dortmund, contudo os dois vão fazer um jogo equilibradíssimo, já que os alemães são a grande revelação do campeonato. A força dentro de casa (graças à maior média de público do mundo – 80 mil pessoas) com certeza será o talismã do Borussia nesta partida, já que sua joia em campo, Mario Götze, não terá apoio dos adeptos. Considerando as informações citadas acredito em uma vitória por um pequeno placar a favor do time comandado por Jürgen Klopp deixando a classificação em aberto e com decisão em Madrid.


Facebook | Twitter

Nenhum comentário:

Postar um comentário