24 de abril de 2013

A vez é dos alemães

Já faz um tempo que futebol de qualidade é sinônimo de Espanha, que venceu a Copa do Mundo de 2010 e as Eurocopas de 2008 e 2012. Possuíam os melhores times e o futebol mais vistoso, todavia, em um piscar de olhos, os alemães se apossaram dessa fama. Primeiro o Bayern de Munique destruiu o Barcelona, aplicando um 4 a 0 na Allianz Arena; e hoje o Borussia Dortmund surpreendeu ainda mais ao derrotar o Real Madrid por 4 a 1. E agora, de quem é a vez no mundo da bola?



A vitória de hoje dos alemães já era prevista por mim, mas como citei no título a vaga possivelmente ficaria em aberto. Falha minha. O Borussia chegou na surdina como apenas aposta da Champions League e junto à sua poderosa torcida aplicou sonoros quatro gols no time do segundo melhor jogador do mundo.

Diferente do Bayern, o Borussia está longe de receber o mérito de melhor clube da Europa, mas o seu destaque é notável e deve ser recompensado com milhares de elogios. Sendo assim, meus comentários não são nem um pouco exagerados. Os borussianos vivem um momento mágico e com essa constante qualidade, eles podem ser os novos gigantes da Europa.


Que Lewandowski foi o nome do jogo não há dúvidas. O centro-avante polaco marcou quatro (!) gols nesta partida, contudo não o fez sozinho. Götze (Judas para os aurinegros), Kuba, Reus, Gündogan, dentre outros, também tiveram seus méritos e como um grupo levam o Borussia do status de aposta para a final da competição mais importante do Velho Continente.

Um time unido que surgiu junto a um ótimo técnico grita que está chegando. O ápice está próximo, já que a final já é uma realidade. Empurrado por uma torcida que comparece ao estádio e apoia em massa, o time de Dortmund ganhou força. A força foi tanta que gigantes foram derrubados uns após os outros. Líder na fase de grupos da UCL o BvB mostrou que não está para brincadeira, goleou o Real Madrid (tirando suas chances de classificação) e mostrou que a vez no futebol é dos alemães.

Facebook | Twitter

2 comentários:

  1. Sem dúvidas um show do Borussia! É incrível o domínio dos alemães e espanhóis no mundo (com as seleções e agora, mais que sempre, com os clubes). Mas me impressionou a força dos dois diante dos espanhóis, um show! O Bayern foi o único time do mundo que dominou o Barcelo em 5 anos (até o Real quando venceu foi dominado e apelou para contra-ataques)! O Bayern foi absoluto.

    Agora... discordo de uma coisa no seu texto. :)

    "Diferente do Bayern, o Borussia está longe de receber o mérito de melhor clube da Europa,"

    Realmente não é o melhor ainda, mas não acho que esteja tão longe. Pra mim, o Borussia foi o time que apresentou melhor futebol na Europa em 2012. O time foi incrível, não só com o título alemão, mas pela forma de jogar. Sabia (ainda sabe!) a hora de se compactar no seu campo e usar contragolpes e a hora de avançar as linhas e pressionar a saída de bola.

    E, tem sido absoluto nessa Champions, só o (bom) Málaga que realmente deu trabalho.

    O Bayern realmente pode tá sendo superior na temporada (pra mim é o melhor da temporada), mas quem sabe não seja apenas o título Europeu que o Borussia precisa ser ainda mais bem reconhecido? ;)

    ResponderExcluir
  2. Fala, Luiz!
    Essa frase é bem polêmica mesmo, já que o Borussia realmente vive uma fase magnífica, porém dar o posto de melhor clube da Europa a um clube que não teve uma continuidade de excelentes trabalhos nos últimos anos acho complicado. É um time com um enorme potencial. Está com certeza no meu Top5 de melhores clubes do mundo, porém a uma distancia um pouco grande do topo. Ao meu ver, o United ainda é um passo a frente dos aurinegros; o Real ainda é melhor e o Barcelona também. O Bayern hoje é o melhor do mundo, pela regularidade do trabalho. Duas finais de UCL seguidas e uma em 2010 simbolizam muito!
    Abraço

    ResponderExcluir