18 de março de 2010

Palmeiras bate o Paysundu no ritmo do "Armeration"

A alguns dias no clássico contra o Santos o lateral Armero comemorou o gol de Diego Souza de um jeito meio que bizarro. A intenção era comemorar no estilo do Rebolation - sensação na Bahia e no Brasil - mas na empolgação o colombiano invetou uma "nova dança", o "Armeration".


O novo embalo de Pablo Armero foi dançado novamente, desta vez no jogo contra o Paysandu pela Copa do Brasil. O primeiro gol foi marcado por Lincoln, após bela visão de jogo do estreante Ewerton o também recém contrato Lincoln marcou o 1-0 após tirar o goleiro da jogada. A festa não durou muito tempo, pois Bruno Rangel invadiu a área e encheu o pé para empatar o jogo.

No segundo tempo não demorou muito tempo para os alviverdes marcarem. Após cruzamento da direita de Eduardo, Lenny cabeçou mal, mas nem tanto, pois a bola sobrou para Ewerton por o Verdão na frente após belas defesas do goleiro Fávaro. E adivinha como veio a comemoração? No "Armeration"!



FICHA TÉCNICA:
PAYSANDU 1 x 2 PALMEIRAS

Local: Estádio Olímpico do Pará (Mangueirão), em Belém (PA)
Data: 17 de março de 2010, quarta-feira
Horário: 21h50 (Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Assistentes: Ricardo M.F. de Almeida (RJ) e Gean Carlos Menezes de Oliveira (RR)
Cartões amarelos: Léo, Eduardo e Pierre (Palmeiras); Zé Augusto, Zeziel e Sandro Goiano (Paysandu)
Gols:
PAYSANDU: Bruno Rangel, aos 25 minutos do primeiro tempo
PALMEIRAS: Lincoln, aos 12 minutos do primeiro tempo; Ewerthon, aos três minutos do segundo tempo.

PAYSANDU: Alexandre Fávaro, Cláudio Allax, Leandro Camilo, Paulão e Zeziel; Tácio, Sandro Goiano, Fabrício (Zé Augusto) e Marquinhos (Alexandre Pereira); Moisés e Bruno Rangel
Técnico: Charles Guerreiro

PALMEIRAS: Deola; Eduardo (Pierre), Léo, Danilo e Armero; Márcio Araújo, Edinho, Lincoln e Diego Souza; Lenny (Cleiton Xavier) e Ewerthon (Robert)
Técnico: Antônio Carlos Zago.

Nenhum comentário:

Postar um comentário