9 de dezembro de 2010

A América é vermelha

Quando o Internacional-RS venceu a Libertadores falaram que a América era vermelha, mas na verdade não era completamente assim. Faltava o campeão da Sul-Americana, mas agora está certo, realmente: A América é vermelha.

O Independiente fez uma partida especial contra o Goiás no Estádio Libertadores da América, e venceu por 3-1; com este placar o jogo ia para os pênaltis. Os pênaltis pareciam que iam demorar; só pareciam. As cobranças estavam boas, mas o atacante  Felipe bateu mal e a bola acertou a trave; foi este pênalti que tirou o título e vaga para as Qualificatórias da Libertadores, das mãos do Goiás.

O jogo foi movimentado, do jeito que queria. Já que o Goiás representava o Brasil na final da Sul-Americana era o meu favorito na partida, mas o que primeiramente queria era um bom jogo, e vi. Aos 19' do primeiro tempo o Independiente abriu o placar com Velazquez, mas não demorou para o time esmeraldino empatar com Rafael Moura e uma belíssima cabeçada no ângulo aos 22'. Aos 26' o Independiente marcou novamente. A intenção inicial do lance era de um passe em profundidade, mas a zaga tirou e Parra marcou em um chute bizarro que encobriu o goleiro Harlei. Neste lance a posição na hora do passe longo era duvidosa e nem no lance congelado consegui ver se realmente estava impedido.

O gol decisivo que levou o jogo aos pênaltis saiu aos 34' com Parra que após colisão no ar dentro da área do Goiás ele já caído chutou para o fundo das redes, outro gol bem bizarro.

A etapa complementar foi melhor para o Goiás que quase marcou com Rafael Moura que driblou dois dentro da área e bateu, mas o goleiro fez a defesa. O jogo terminou empatado e foi para a prorrogação, aonde o Goiás chegou a marcar um gol, mas não valeu. Sendo que Rafael Moura já tinha perdido outra grande chance, além de Rafael Toloi que recebeu um lindo cruzamento do "He-Man" e cabeceou na trave.

O jogo foi para os pênaltis, o Independiente fez sua parte acertando todos os pênaltis, o Goiás ia bem, mas Felipe mascou o chute; tirou o Goiás da Qualificatória da Sul-Americana e devolveu a vaga da Libertadores ao Grêmio.

Mesmo tendo torcida para o Goiás, dou os parabéns ao Independiente que jogou muito na Argentina e justamente conseguiu o título.

Nenhum comentário:

Postar um comentário