2 de abril de 2011

#EuVi - O derby della madonnina

Pato comemora seu primeiro gol no jogo, logo nos primeiros segundos.
(Foto: AP Photo)
O Milan mesmo não sendo o favorito (se é que há um favorito em um derby) bateu a Internazionale, no San Siro, por 2-0 no derby della madonnina. Com esta vitória a equipe rossoneri se isolou na liderança, 5 pontos a frente da vice-colocada Inter. Faltam apenas 7 rodadas, a situação pode se reverter, mas pelos próximos confrontos fica difícil: O Milan tem como jogos mais difíceis Roma e Fiorentina; atualmente 6° e 9° respectivamente; enquanto a Inter tem Lazio (5°) e Napoli (3°).

Pato já abriu o gol no primeiro lance; Robinho tentou marcar e a bola sobrou para o camisa 7 fazer 1-0. O time rubro-negro manteve a pressão até o fim da primeira etapa, mas mesmo assim levou pressão. Pandev quase marcou de cabeça, mas Abbiati salvou em cima da linha (lance bem duvidoso) e Eto'o perdeu um gol feito, até minha vó fazia!

No segundo tempo o Milan seguiu dominando e em um lance de clara chance de gol, Chivu, o último homem, tocou em Pato e impediu o gol; cartão vermelho; na cobrança da falta Thiago Silva assutou e no rebote Boateng despediçou. Com um a mais o jogo se tornou traquilo e Pato marcou novamente aos 16'. Abate pôs na cabeça do brasileiro (será que ele tentou chutar?) que marcou e na comemoração ainda dançou junto com Robinho e Boateng. Aos 21' Robinho perdeu grande chance na cara do gol; o ex-santista quase marcou também aos 27' quando recebeu sozinho na área fez uma finta derrubando Júlio César no chute o goleiro fez grande defesa. Júlio César que por sinal defendeu vários outros gols e evitou a humilhação, mas não pode evitar aos 90' o gol de pênalti marcado por Cassano, sofrido pelo próprio ao ser puxado por Zanetti dentro da área. Cassano que depois seria expulso por levar o segundo amarelo: jogou pouco tempo, marcou um gol e foi expuslo, o velho Cassano!O Milan conseguiu golear a Inter; realmente deram um show.

O derby foi bom de ser assistido e amanhã tem mais, o derby português entre Porto e Benfica, no Estádio da Luz. O sonho dos portistas é vencer amanhã para se consagrarem campeões em plena casa do rival; lembremos que o Porto, de André Villas-Boas, ainda não perdeu na Liga Sagres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário