14 de agosto de 2014

Premier League: a nova temporada vem aí

No próximo sábado (16) começa a nova temporada do Campeonato Inglês, dando inicio com todo vapor ao futebol internacional. Uma das competições mais disputadas nos últimos tempos terá muitos motivos para ser acompanhada por nós amantes de futebol. O Nosso Futebol Clube separou alguns pontos a ser observado na temporada 2014/2015 e o que esperar dos principais times.


Manchester City

O atual campeão da Premier League tem um grande e qualificado elenco, mas confirmou algumas contratações que vem para compor e fortalecer ainda mais a equipe de Manchester. O brasileiro Fernando, ex-Porto, foi contratado para fazer parte do disputado meio de campo, após fazer boas atuações pela equipe portuguesa. Assim como o volante, Willy Caballero, goleiro argentino, chega para ser banco de Joe Hart, que sempre sofre oscilações técnicas durante as temporadas. A surpresa fica por conta de Frank Lampard, que foi vendido pelo Chelsea à uma filial americana do City, e acabou sendo emprestado a um dos rivais do seu ex-clube. Os citizens disputarão mais uma vez a Champions League, sendo assim, precisarão não só de um time, mas de um grande elenco para poder está entre os melhores em ambas competições. Tem tudo para buscar o título.

Liverpool

Protagonista da temporada passada junto com o Manchester City, o Liverpool aparece agora como um forte candidato a briga do título inglês, mas com um desfalque crucial: Luis Suárez. O atacante foi negociado junto ao Barcelona e fará muita falta, mas com o lucro, o time vermelho fez contratações importantes para melhorar cada setor de sua equipe. A estrela continua sendo a liderança de Steve Gerrard, mas o brasileiro Philippe Coutinho tem tudo para ser uma peça chave nessa nova temporada. É importante ainda destacar as ótimas contratações do clube. Os atacantes Lambert, Markovic e Origi reforçam o time na tentativa de ao menos reduzir a falta de Luisito fára. Para o meio chega o medalhão inglês, Lallana, que brilhou pelo Southampton na temporada passada e é destaque no futebol internacional. Como o Liverpool volta a Champions League após anos, é muito provável que o time sofra algumas oscilações durante a temporada, e isso pode prejudicar no final.

Arsenal

Depois de anos com contratações emperradas e títulos escassos, o Arsenal chega mais uma vez com esperança para a disputa do Campeonato Inglês. Agora com Özil, Podolski e o recém chegado Alexis Sanchez, o time busca o título após fazer ótimo início de campeonato ano passado. Além do atacante chileno, o Arsenal contratou o lateral Debuchy, destaque da França na Copa do Mundo de 2014 e vem para reforçar a defesa junto com o goleiro colombiano Ospina. Um time entrosado há um longo tempo, jogadores individualmente qualificados, são motivos que fazem acreditar em uma boa temporada do Arsenal, mas o título será algo difícil.  

Chelsea

No lado azul de Londres, uma dupla está de volta. Com José Mourinho desde a temporada passada, o Chelsea trouxe para auxílio para temporada 2014/15 o atacante Didier Drogba, ídolo do clube. Os Blues chegaram a disputar diretamente o título no ano que se passou, porém acabou perdendo força, passando a focar na UCL, da qual acabou sendo eliminado pelo Atlético de Madrid, clube que acabou fornecendo dois nomes fortes para o elenco azul: Diego Costa e Filipe Luís, além do goleiro Cortouis (que na verdade volta de empréstimo). O primeiro vem se destacando na pré-temporada fazendo gols, como já é de costume; o segundo vem para reforçar a defesa, já que Ashley Cole foi vendido par a Roma. Já o goleiro é um nome importantíssimo, visto que brigará de igual para igual com Petr Cech, o qual já se encontra em fim de carreira. Sobre as contratações, ainda é importante destacar a chegada de Cesc Fábregas, atleta que será importante com suas características de armação. O time de Mou pode ser colocado facilmente entre os três favoritos, devido principalmente à qualidade dos reforços.

Manchester United

No inferno de Manchester, o United começou sua reestruturação após a passagem catastrófica de David Moyes. Com sua demissão já ventilada mesmo antes do vim da temporada, Moyes deu lugar ao experiente Louis van Gaal, que montou o time de maneira surpreendente, em incríveis 2 meses. O time que passou a contar com mais posse de bola, agora tem Ander Herrera e Luke Shaw, duas promessas que chegaram do Atletic Bilbao e Southampton, respectivamente. Como não conseguiu se classificar para a Champions League, o United gastará todos seus esforços pela briga pelo título inglês, afinal essa é a única grande competição que está ao seu alcance. Com um novo esquema tático, os Red Devils estão com um time forte, por isso encontra-se no top 3 junto ao City e ao Chelsea.

Correndo por fora

Nesta categoria pode-se citar nomes como Tottenham, que sofreu muito com as lesões na temporada passada, mas vem apresentando boas apresentações na pré-temporada, com destaque para o meia Lamela; o Everton que brilhou em 2013/2014, que conta com os belgas Lukaku e Mirallas; o Southampton, que lucrou muito nessa janela de transferência, pode ser considerado o melhor do meio da tabela. Agora é só aguardar. O que não falta são motivos para acompanhar o futebol inglês nessa temporada.

Aqui quem vos fala é Marcel Monteiro, novo integrante do blog. A partir de hoje estarei produzindo meus textos junto ao Felipe. Fico lisonjeado de fazer parte da equipe desse blog que sempre admirei. Espero que o caminho seja longo para todos nós! Grande aperto de mão!

Facebook | Twitter

Nenhum comentário:

Postar um comentário