22 de novembro de 2009

Flamengo fica no 0 x 0 e deixa o Jason em primeiro

por: Felipe Simonetti

O Flamengo desperdiçou uma grande chance de chegar a liderança. O clube rubro-negro ficou no 0 x 0 com o Goiás, em um jogo de vários gols perdido. O Maracanã lotou, mais de 80.000 pessoas, a torcida rubro-negra fez um lindo mosaico nas arquibancadas com a seguinte escrissão:

"A Maior Torcida do Mundo. A paz faz a diferença"

O Goiás começou prendendo a bola e chegou bem com o Fernandão, mas Bruno fez a defesa. Houve uma falta próxima a área, Petkovic na bola, ela raspa o travessão, mas vai para fora. O primeiro tempo continuou sem graça, com pouco lances de perigo, mas pressão da torcida.

Na segunda etapa Adriano perdeu duas chances claras de gol. Em um lance o Imperador deu uma voadora furou a bola e acertou o goleiro Harlei. Depois, Fierro bateu cruzado e com o goleiro Harlei fora da jogada Adriano não chutou e zaga mandou para escanteio.

No final do jogo o Flamengo fazia muita pressão para tentar ficar com a liderança, o goleiro Bruno até tentou ir para a área, mas não pegou nada. O salvador Harlei defendeu muito bem sobre pressão e se destacou no jogo.

Com este placar o Flamengo se manteve em segundo com 61 pontos, mas ficou a apenas um ponto do líder São Paulo. O Goiás caiu para 9° e ficou com 51 pontos. Os rubro-negros enfrentam o Corinthians fora de casa na próxima rodada. Já o Goiás pega o líder São Paulo em Goiânia. Quem atrapalhou hoje pode ajudar amanhã!

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO-RJ 0 x 0 GOIÁS-GO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 22 de novembro de 2009 (Domingo)
Horário:
19h30 (de Brasília)
Árbitro:
Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)
Assistentes:
Roberto Braatz (Fifa-PR) e Carlos Berkenbrock (Fifa-SC)
Renda:
R$ 1.460.905,00
Público:
78.639 pagantes
Cartões amarelos:
Rithelly e Leandro Euzébio (GOI)

FLAMENGO: Bruno, Leonardo Moura, Álvaro, Ronaldo Angelim e Juan; Aílton, Toró, Willians (Kléberson) e Petkovic (Fierro); Zé Roberto (Bruno Mezenga) e Adriano
Técnico:
Andrade

GOIÁS: Harlei, Rafael Toloi, Ernando e Leandro Euzébio; Vítor, Rithelly (Amaral), Fernando, Léo Lima (Júlio César) e Douglas; Iarley e Fernandão (Felipe)
Técnico:
Hélio dos Anjos

Um comentário: