15 de junho de 2010

“Sonolenta” a seleção brasileira vence a Coréia!

A ansiedade era muito grande, cidade parada, lojas fechadas, todo mundo queria ver a seleção canarinha estrear contra os norte coreanos, e quem esperava goleada viu apenas a vitoria brasileira sofrida por 2 a 1.



O jogo começou tenso, o nervosismo em ambos os lados era evidente, mais o Brasil tinha vontade e tentava ir para cima, a primeira jogada saiu dos pés de Robinho que pedalou pra cima da marcação e ainda deu entre as pernas do norte coreano, mais o passe não saiu como ele queria. A marcação norte coreana era muito forte, com todos os jogadores recuados e apenas Tae-Se na frente o Brasil não conseguia criar jogadas, e penetrar na área dos coreanos. Para falar a verdade o primeiro tempo deu sono, o Brasil claramente não jogava bem, Kaká tambem não, mais quem passava um pouquinho de confiança era Robinho, Elano, Michel Bastos e Maicon que mostravam vontade em campo, o foram de seus pés as poucas chances e jogadas do Brasil no primeiro tempo, o que faltava era a movimentação e finalização.



Na segunda etapa parecia que a bronca de dunga no intervalo foi dura, e deu resultado, o Brasil voltou bem e marcou aos 10, quando Elano deu bom passe para Maicon na lateral que foi invadindo a área e quase sem ângulo mandou uma bomba de trivela no gol marcando um golaço, Myonge Guk o goleiro, estava mal posicionado permitindo que a bola fizesse uma curva perfeita para estufar as redes, 1 a 0 Brasil.



Com o gol aquele nervosismo foi embora, e a seleção começou a jogar até bem, criando mais e chegando diversas vezes no gol, e uma dessas jogadas resultou no segundo gol. Robinho com uma visão de jogo incrível deu um belíssimo passe deixando Elano cara a cara com o gol que pegou de primeira e correu para o abraço, 2 a 0 e o domínio total da partida.


No finalzinho da partida os coreanos fizeram o deles, Yun Nam invadiu a área e chutou sem chances para Julio César, 2 a 1, um gol que aposto que foi muito comemorado e valeu como uma “vitoria pessoal”, pois para uma seleção sem tradição e em 105° no ranking da FIFA, marcar um gol em uma das maiores seleções do mundo, é algo muito bom.




A figurinha da partida foi o Elano. Jogou bem, no primeiro tempo mesmo com o time ansioso ele tentava levar o time ao gol, já na segunda etapa deu o passe para o gol de Maicon e depois recebeu presente de Robinho marcando o seu gol.


postado as 20h00

Nenhum comentário:

Postar um comentário