12 de julho de 2014

O Brasileirão está voltando


Faz um mês que começou a competição mais fantástica do mundo e amanhã ela já termina. A Copa do Mundo, que conquista até quem não gosta de futebol, terá sua final amanhã, entre Alemanha e Argentina em uma partida fantástica que pode tornar uma seleção tetra campeão ou a outra tri. Essa partida (sem querer desmerecer os outros fantásticos jogos) será a melhor! Argentinos podem conquistar um título em solo brasileiro ou os alemães, que tanto se apaixonaram pelo país, podem sair com o título. Entretanto, mesmo tendo jogos fantásticos, sou apegado ao que é meu e sinto falta do Brasileirão.


Mesmo com um nível infinitamente inferior, o Campeonato Brasileiro é o campeonato irracional, que apaixona e faz vibrar muito mais que uma Copa. Nesta competição, a cada rodada é uma emoção nova, mesmo que com vários perebas em campo, marcando gols bizarros (ou incríveis golaços), aplicando entradas criminosas (ou tiradas fantásticas de bola), em síntese nos encantando. Temos uma boa ou uma má segunda-feira dependendo dos resultados de domingo. Com a Copa do Mundo é uma ressaca de eliminação uma vez e no outro dia já está tudo bem.

O que faz esse campeonato tão especial é o fato dele ser nosso, do povo brasileiro. Os perebas que aqui jogam são os nossos perebas, que vestem a camisa do nosso time e nos faz comemorar irracionalmente por um empate com um gol horroroso. O Brasileirão nos faz esquecer toda a tática do tiki-taka, do esquema alemão sem atacantes e nos apaixona por furadas de bola, gols de canela e impedimentos mal marcados. O futebol deixa de ser arte e razão para virar loucura e emoção. Aqui os ídolos não jogam nem metade do que jogam Suárez, Müller e James, mas Hernane, Luís Fabiano e Kléber (grandes caneludos do futebol) são calorosamente muito mais amados ou xingados, depende do humor: é uma deliciosa relação de amor e ódio toda semana. Não é a toa que é aqui que apelidamos tão carinhosamente nossos "brocadores", "fabulosos" e "gladiadores".

Os amantes do futebol (e até os que nem gostam tanto assim) facilmente aplaudiriam outra Copa do Mundo, afinal, ela tem um nível de futebol requintado com lances bonitos dos melhores craques do mundo. Não obstante, é bom saber que uma hora, o Brasileirão estará nos esperando.

Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário